Sinais claros e óbvios de que você está em uma amizade abusiva

As conexões reais são uma espécie de magnetismo, a gente vai ou não vai com a cara do outro ser humano, e se a gente vai com a cara, logo já abrimos a nossa vida e só vamos nos dar conta se fomos precipitados quando alguns sinais de alerta começam a surgir.

O problema de ir com a cara rapidamente é que, muitas vezes, não percebemos que aquela pessoa é, na verdade, um ser humano com uma certa toxidade. O que seria isso? É quando uma pessoa abusa da boa vontade da outra com requintes de “folgadisse”, sabe como é?

Seres folgados? Invasivos? Egoístas? Vaidosos e mesquinhos? E assim vai…

Na verdade é muito fácil perceber que estamos vivendo uma amizade abusiva, porém, acabamos fechando os olhos para isso, justamente porque fomos muito com a cara daquele serzinho simpático e “aparentemente” inofensivo.

Uma pessoa folgada, jamais vai demonstrar isso logo de cara, ela geralmente é muito esperta e charmosa, prepara a casa primeiro, faz de um tudo, como se precisasse nos conquistar, e depois, quando já escancaramos a nossa vida, já contamos todos os nossos segredos, já abrimos a nossa casa e o nosso coração, ela mostra as “garras”.

É claramente notável que uma amizade é abusiva quando tudo tem que ser do jeito que o amigo quer. Já observei amigos que caso você não concorde em fazer o que eles sugeriram, eles se rebelam, se revoltam contra nós, saem falando mal da gente por aí ou até ameaçam revelar nossos segredos.

Outro sinal fácil de ser identificado é quando o amigo “sempre acha que está certo”. Um amigo que nunca está errado e sempre aponta o erro nos outros, ou pior, em você, com certeza se enquadra no “conjunto de toxidades” que estou trazendo aqui.

Pensa comigo:

Como viver uma amizade saudável com alguém que não para para escutar as próprias asneiras que diz, ou não para para refletir diante dos próprios comportamentos que tem?

Pois é meus amores, não tem como levar uma amizade a diante quando o dito amigo não admite os próprios erros, e não se esforça para ser uma pessoa melhor, não é mesmo?

Outro fator muito importante a se observar é aquele amigo que é invejoso, ganancioso e orgulhoso, aquele que entra na sua casa e começa a reparar em tudo. Ele te olha de cima embaixo e com tom de deboche diz “como você tá chique?”, “nossaaaaa, mas tá rica hem bem”, “que coisa mais brega é essa?”, ou pior, chega na sua casa e tudo que ela gosta quer levar embora pra casa dela. Ela arruma um jeito de pedir um pedaço de bolo no pratinho que ela gostou e nunca mais devolve o tal pratinho… Ela faz o mesmo com as roupas que você mais gosta, com os livros, com tudo o que você tem, e quem sabe, com o seu namorado e com o seu trabalho também…

Mais um claro sinal de amizade tóxica são aquelas amigas e amigos que não sabem ouvir.

São as famosas tagarelas, quando elas chegam em um lugar ninguém mais fala, e a gente passa a ser expectador do show particular que elas querem apresentar.

Geralmente, essas amigas ou amigos, gostam de contar como suas vidas são maravilhosas, contar vantagem, ou, possuem um repertório de desgraças e viram um disco riscado, sempre reclamam sobre as mesmas coisas.

Você sai da conversa, ou melhor, do monólogo, com os ouvidos doendo e com aquela sensação de que “suas energias foram sugadas”. E foram!

Tome cuidado com as pessoas que você escolhe para frequentarem a sua casa! Ela é o seu templo e precisa ser protegida por você.

De uma forma torta, esse vírus nos protegeu de nós mesmos, agora, precisamos restringir o “volume” de pessoas que entram em nossas casas ou que temos contato.

Aproveite ESSE MOMENTO para selecionar ainda mais os seus amigos.

Na nossa vida já tem coisa demais acontecendo para que a gente ainda tenha que se preocupar com pessoas que querem jogar o peso delas em cima da gente!

Fuja!

*DA REDAÇÃO RH. Texto de Iara Fonseca, jornalista, escritora, editora de conteúdo dos portais Resiliência Humana, Seu Amigo Guru, Homem na Prática e Taróloga. Para agendar uma consulta de Tarô Espiritual com a Iara, mande um direct para @escritoraiarafonseca

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Jornalista, escritora, editora chefe e criadora de conteúdo dos portais RESILIÊNCIA HUMANA e SEU AMIGO GURU. Neurocoaching e Mestr em Tarot. Para contratação de criação de conteúdo, agendamento de consultas e atendimentos online entrem em contato por direct no Instagram.