O seu brilho é diferente quando você vive a sua verdade! Não existe uma receita certa de ser humano, cada um precisa criar a sua. O seu jeito próprio de ser sempre será o certo.

Seja autêntico, sonhador, teimoso em alguns momentos, e até mesmo possua um ponto de loucura que o torna único.

Seja você mesmo, defenda a sua identidade em cada momento da sua vida, embora as suas peculiaridades, opiniões ou manias, não agradem a todo mundo.

Mantenha a sua essência e as pessoas certas chegarão quando você menos esperar.

Quando deixamos de ser nós mesmos para sermos o que os outros esperam, perdemos a parte mais bela do nosso ser: a nossa própria identidade.

Além disso, quando colocamos de lado o que nos torna únicos para nos transformamos em uma pessoa “padrão”, solícita e manejável que em tudo se encaixa, permitimos que entrem na nossa vida aquelas pessoas das quais gostaríamos de manter a distância.

Lentamente e sem que percebamos, os nossos dias adquirem uma tonalidade cinzenta, onde não há o brilho inspirador ou a espontaneidade que alegra e motiva.

Nós temos a responsabilidade de descobrir e defender a nossa própria luz, o que nos torna diferentes, o que nos torna pessoas únicas para um mundo onde somos todos substituíveis.

As pessoas autênticas, livres, espontâneas e com um ponto encantador de loucura, são atraentes. Isto é assim por uma razão simples: elas disseram “sim” a si mesmas, “sim” a me aceitar como eu sou, “sim” a ser eu mesma, mesmo que isso não lhe agrade.

No momento em que damos este passo tão importante quanto complexo, tudo muda. Nossas conversas são mais espontâneas e seguras, não nos preocupamos em desagradar porque não procuramos agradar ao outro para sermos aceitos a qualquer custo.

Assim, graças a este estado mental e emocional, mais cedo ou mais tarde “atrairemos” os melhores amigos, o companheiro especial e maravilhoso: aquele que nos aceita e nos ama como somos, sem nenhum artifício e sem um pingo de insegurança ou falsidade.

O famoso lema: “ser e deixar ser”.

As pessoas autênticas e únicas se valorizam e amam a si mesmas, mas também respeitam as opiniões e o universo pessoal do outro.

É preciso aprender a defender a nossa identidade para mostrar com segurança a alegria, a magia e a originalidade que carregamos dentro de nós. A nossa verdade é o nosso maior poder.

A verdade sempre te fará brilhar muito mais.

Quem é você? Quer ajuda chame no @rhamuche.

*DA REDAÇÃO RH. Texto de Robson Hamuche, idealizador do Resiliência Humana, terapeuta transpessoal e Constelador Familiar. Foto de Noah Buscher no Unsplash.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Robson Hamuche é Terapeuta transpessoal com especialização em constelação familiar, compõe a equipe de terapeutas do Instituto Tadashi Kadomoto (ITK). É também idealizador e sócio-proprietário do Resiliência Humana, grupo de mídia dedicado ao desenvolvimento humano, que reúne informação de qualidade acerca de todo o universo do desenvolvimento pessoal, usando uma linguagem leve e acessível.