O mundo está precisando de mais gestos de amor. Chega de ódio!

A falta de perdão leva a um endurecimento progressivo do coração. Muitas pessoas estão vivendo com o coração totalemnte fechado, estão cheios de ódio, alimentando a raiva e o desejo de vingança.

Milhares de pessoas estão, nesse exato momento, desejando mal a alguém, a um grupo, a uma instituição, e nem percebem que estão fazendo mal a si mesmos, consciente ou inconscientemente.

Esses pensamentos negativos sobre os outros, essa necessidade humana de levar vantagem, de ganhar sempre, de estar certo o tempo todo, ganham forma através das disputas e dos conflitos que a falta de amor gera, diariamente.

O desamor ganha voz na política, na empresa, com os funcionários e colegas de trabalho, e é o grande responsável pela dissolução de uniões que tinham tudo para serem felizes.

A falta de amor e de perdão são armas letais que matam a harmonia familiar.

O mundo precisa de gestos de amor, de paz, de perdão, precisamos ser livres para imaginar uma nova realidade, para ter sonhos maravilhosos novamente.

A cabeça pode estar nas nuvens, mas os pés não podem despregar do chão. É preciso oferecer novas chances para que a gente possa viver experiências mais agradáveis e felizes.

Boas novas surgem, inesperadamente, quando as nossas ações são amáveis e compassivas.

O segredo para dissolver esse ódio que tomou conta de muita gente é estar sempre disposto a servir, ouvir a intuição e acreditar nos sonhos.

Parece bobagem, mas não é. Quando você deixa de sonhar, você mergulha no materialismo e é vencido pelas ilusões do ódio que te cega para a verdade.

Quem está cego para o amor, não sonha, cria realidades paralelas extremamente fantasiosas! Muitos, começam a apresentar ideias e atitudes insanas, crentes que estão completamente certos.

Nesse momento, grande parte da sociedade está dividida, o desamor brinca com a vida como se nada fosse, a falta de perdão despertou o ódio em muitas pessoas, precisamos despertar para esse amor que constrói e não podemos ser vencidos pelo o ódio que destrói.

Gestos de amor sempre nos trazem um raio de esperança! A esperança de construir um país melhor, mais justo, compassivo e solidário, onde todos possam voltar a sonhar. E não apenas alguns.

Nada cresce no ódio, tudo é destruído, tudo acaba ou morre.

Não permita que o ódio te adoeça e te leve a loucura. Se você sente que precisa curar o seu coração, perdoar e não quer mais compactuar e alimentar todo esse ódio e raiva, chame no direct @rhamuche e agende uma consulta individual. O amor precisa vencer!

**DA REDAÇÃO RH. Texto de Robson Hamuche, idealizador do Resiliência Humana, terapeuta transpessoal e Constelador Familiar.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Robson Hamuche é Terapeuta transpessoal com especialização em constelação familiar, compõe a equipe de terapeutas do Instituto Tadashi Kadomoto (ITK). É também idealizador e sócio-proprietário do Resiliência Humana, grupo de mídia dedicado ao desenvolvimento humano, que reúne informação de qualidade acerca de todo o universo do desenvolvimento pessoal, usando uma linguagem leve e acessível.