Não aceite nem repasse lixos emocionais. Faça uma faxina no seu coração!

Se tornar consciente da necessidade da limpeza energética, emocional, mental e espiritual, é o que empodera a nossa fortaleza interior.

Quando nos sentimos frágeis, desanimados, desmotivados, decepcionados com a vida e com as pessoas, nós acumulamos em nosso interior muitos lixos, que vão nos intoxicando pouco a pouco.

Intoxicados, começamos a enxergar os acontecimentos da vida e os comportamentos das pessoas por um viés negativo. Simplesmente, não conseguimos olhar para a nossa realidade com bons olhos, e nos colocamos em um lugar de vítima, que nos enfraque, nos desconecta da nossa essência, e do nosso propósito divino.

Desconectados, nos sentimos sozinhos, e aceitamos migalhas de afeto, somos enganados com mentiras, e nós mesmos, passamos a mentir, a nos enganar, a nos autossabotar e a fingir que estamos bem, quando não estamos.

Nos cobramos e nos sentimos cobrados a nos moldar aos padrões, a nos tornarmos iguais, e nesse caminho que escolhemos seguir, onde achamos que precisamos agradar mais os outros do que a nós mesmos, acabamos nos perdendo de quem, em verdade, somos.

Quantos anos já perdemos, agindo de forma inconsciente, sem saber, ao certo, que rumos estamos tomando e o que estamos fazendo com a nossa vida?

Quando nos sentimos perdidos, acabamos aceitando os lixos emocionais dos outros e repassando esses lixos para quem convive com a gente. E depois, não entendemos o motivo que nos levou a obter os mesmos resultados negativos em nossos relacionamentos e projetos profissionais.

É importante que acordemos para isso o quanto antes, que paremos de criar dificuldades e problemas, e passemos a trazer soluções e respostas positivas para a nossa vida.

Porém, para que a gente consiga acessar as soluções, a gente precisa fazer uma limpeza em nosso coração.

Mas como a gente faz isso?

Essa faxina interior, é como se nós nos colocássemos como um obreiro de uma vida eterna, que não acaba depois do fim, mas que se eterniza na consciência de Deus.

Precisamos olhar para a nossa vida terrena, como se ela fosse um canteiro de obras. Devemos tirar os entulhos, reciclar o que é possível ser reutilizado e destinar cada rejeito dessa construção para o seu lugar de direito.

Não podemos viver em meio aos entulhos. Não tem como ser feliz no meio desse lixo todo. A gente não encontra as ferramentas necessárias para construir a nossa casa, em um lugar bagunçado. A gente precisa organizar tudo primeiro.

Entende?

Se você sente que a sua casa interior está cheia de entulhos, e precisa de ajuda para limpar o terreno e reconstruir a sua casa interior, me chame no direct @rhamuche e agende uma consulta. Entenda a necessidade de pedir ajuda, essa escolha será o seu divisor de águas.

Existe um antes e um depois dessa faxina interior, e quem a experimenta, nunca mais se permite acumular tantos lixos emocionais dentro de si.

*DA REDAÇÃO RH. Texto de Robson Hamuche, idealizador do Resiliência Humana, terapeuta transpessoal e Constelador Familiar.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Robson Hamuche é Terapeuta transpessoal com especialização em constelação familiar, compõe a equipe de terapeutas do Instituto Tadashi Kadomoto (ITK). É também idealizador e sócio-proprietário do Resiliência Humana, grupo de mídia dedicado ao desenvolvimento humano, que reúne informação de qualidade acerca de todo o universo do desenvolvimento pessoal, usando uma linguagem leve e acessível.