Você se sente realizado profissionalmente? 7 boas práticas para uma carreira de sucesso!

José Roberto Marques, o Zé.
voce-se-sente-realizado-profissionalmente-7-boas-praticas-para-uma-carreira-de-sucesso

Você se sente realizado profissionalmente? 7 boas práticas para uma carreira de sucesso!

Um dia tem um período de 24 horas. Em média, as pessoas trabalham 8 horas por dia no trabalho. Isso quer dizer que você passa um terço do seu tempo dedicando-se à sua vida profissional — sem falar que há pessoas que trabalham muito mais do que isso.

Se você dedica um tempo tão significativo ao seu trabalho, é essencial que você construa com ele uma relação positiva.

A carreira é uma área importante das nossas vidas, de modo que a nossa felicidade geral também depende da nossa capacidade de sermos felizes no trabalho.

É isso mesmo que você leu: trabalhar não precisa ser algo torturante e doloroso.

Existem algumas boas práticas que podem levar você até mesmo a sentir prazer em seu dia a dia profissional. Essa é uma das importantes descobertas da formação “7 chaves para desbloquear o melhor ano da sua vida”, desenvolvida por José Roberto Marques, fundador do Instituto Brasileiro de Coaching — IBC.

Para saber mais sobre como desenvolver uma carreira de sucesso e de felicidade, confira 7 dessas boas práticas a seguir:

1. Encontre o seu propósito

Em primeiro lugar, saiba que o trabalho perfeito não existe, pois toda profissão tem as suas dificuldades e desafios. Contudo, isso não significa que seja impossível escolher uma área profissional que proporcione felicidade.

Nesse sentido, cabe a cada pessoa encontrar uma atividade que una as competências do indivíduo àquilo que ele gosta de fazer.

Essa combinação permite que você encontre o seu propósito, ou seja, aquela atividade que faz com que você se sinta útil e realizado por estar neste mundo.

O propósito dos médicos é salvar vidas, o dos professores é transmitir conhecimento, o dos músicos é entreter por meio de canções, o dos advogados é promover justiça.

Pense naquilo que você gostaria de transformar no mundo. Esse é um bom caminho inicial para encontrar a profissão dos sonhos.

2. Nunca deixe de aprender

A maior parte das pessoas acredita que, para ser bem-sucedido na carreira, basta fazer um curso técnico ou uma graduação, e está feito.

Não é bem assim.

É claro que essas formações iniciais são primordiais, sobretudo no mercado de trabalho competitivo em que vivemos. Contudo, o estudo e a aquisição de novos saberes são práticas eternas.

Hoje em dia, toda área profissional é muito dinâmica, ou seja, passa por transformações constantes. Por isso, os profissionais mais bem-sucedidos são aqueles que acompanham essas transformações. Leem notícias, fazem estágios, conversam com diferentes profissionais, fazem pesquisas, participam de treinamentos e eventos da área, enfim, estão sempre atualizando os seus conhecimentos para não ficarem obsoletos.

3. Adquira uma postura empreendedora

Se você acredita que ser empreendedor se resume a abrir um negócio próprio, está na hora de rever os seus conceitos.

O empreendedorismo é, na verdade, um estado de espírito, marcado pela capacidade que uma pessoa tem de planejar a sua vida profissional, escolher aquilo que quer fazer, ter uma atitude proativa e ser criativo sempre que possível.

Portanto, mesmo que você seja um funcionário de uma empresa, você pode ser empreendedor.

Você dá sugestões sobre novas maneiras de executar as suas atividades?

Você conversa com os seus chefes sobre novidades que viu em sua área profissional?

Você se preocupa com o desenvolvimento da empresa em que você trabalha, como se ela fosse sua?

Esses são alguns exemplos de posturas empreendedoras que podem te levar muito longe!

4. Tenha mentores

Os mentores são referências e inspirações, ou seja, profissionais bem-sucedidos que possuem características que gostaríamos de desenvolver em nós mesmos.

Todo jogador de futebol das categorias de base, por exemplo, se espelha em algum jogador famoso e bem-sucedido.

Siga o exemplo deles.

Pense em quem são as pessoas de sucesso da sua área.

Não é preciso que sejam celebridades — o seu colega ali ao lado pode ser um mentor, se você perceber que ele é alguém de sucesso!

Converse com essas pessoas, observe as suas características, tire as suas dúvidas com elas.

Aproveite essa oportunidade de conviver com essas pessoas para aprender tudo o que for possível.

Se você deseja ter esse mesmo sucesso, seguir os passos dos seus mentores pode ser uma boa ideia!

5. Planeje a conquista dos seus objetivos

Para que você obtenha sucesso profissional, você precisa se questionar acerca dos seus objetivos. O que você deseja em sua carreira?

Ganhar X reais por mês?

Trabalhar na empresa Y?

Ocupar o cargo Z?

Ser um freelancer bem-sucedido?

Abrir um negócio próprio?

Como é possível perceber, há diferentes caminhos para o sucesso profissional. Você precisa saber qual é o seu.

Muita gente conduz a carreira com base na filosofia do “deixe a vida me levar”, apenas aproveitando as oportunidades que caem em seus colos.

Não aja dessa forma. Assuma a autoria do seu destino e planeje a conquista dos seus objetivos.

Você não vai alcançar resultados diferentes se não se mexer, certo?

Planeje a sua carreira!

6. Faça networking

Quando você planejar a sua vida profissional e começar a fazer o que for necessário para conquistar os seus objetivos, muito provavelmente perceberá que a trajetória tem as suas dificuldades.

Nessas horas, lembre-se: você não está sozinho e sempre há alguém que pode ajudá-lo.

O networking é a atividade em que construímos e reforçamos uma rede de contatos profissionais.

Quem sabe não há algum conhecido que trabalha naquela empresa que você sonha em conhecer?

Quem sabe você não tem um colega que pode te recomendar para aquela oportunidade dos sonhos?

Na vida profissional, precisamos uns dos outros. Por isso, não hesite em pedir ajuda aos colegas, mas também não se esqueça de ajudá-los quando eles precisarem!

7. Desenvolva as soft skills

Quando falamos em desenvolvimento profissional, as pessoas quase sempre pensam em estudar e adquirir os conhecimentos técnicos inerentes àquela profissão.

Nada mais justo. Contudo, há outras competências, que dizem respeito ao comportamento humano, que também precisam ser desenvolvidas: as soft skills.

Criatividade, disciplina, organização, bom relacionamento interpessoal e pontualidade são alguns exemplos de soft skills.

Além dos saberes específicos do seu trabalho, você também precisa desenvolver esses comportamentos mais genéricos, mas igualmente importantes, para ser alguém de sucesso.

Não adianta nada ser um gênio da engenharia, por exemplo, mas não saber se relacionar adequadamente com os colegas.

Esses são alguns dos exemplos de boas práticas para que você consiga conduzir uma carreira com felicidade, propósito e possibilidades reais de crescimento.

Para saber mais sobre o tema, você está mais do que convidado a participar da formação “As 7 chaves para desbloquear o melhor ano da sua vida”.

É um programa 100% on-line e gratuito, que apresentará, além de trechos do 1º Reality Show como Metodologia Educacional, metodologias baseadas em: técnicas, ferramentas, pesquisas, vivências, experiências, constelação familiar e meditação.

O movimento “7 chaves” vai ter início no próximo dia 11 de março, pontualmente às 19h57, horário de Brasília.

Inscreva-se AQUI!

*DA REDAÇÃO RH. Foto de LinkedIn Sales Navigator no Unsp. *VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS






COMENTÁRIOS




José Roberto Marques, o Zé.
José Roberto Marques, o Zé. Especialista do Comportamento Humano. 👔 CEO & Founder do Instituto Brasileiro de Coaching 📚 Autor Best-Seller - 62 livros publicados 🔥 Criador #DesperteSeuPoder #ACasaDoZéReality #7ChavesParaUmaNovaVida