A vida é muito curta para ser desperdiçada ao lado da pessoa errada.

Luciano Cazz

“Jogue suas mãos para o céu e agradeça se acaso tiver, alguém que você gostaria que estivesse sempre com você, na rua, na fazenda ou numa casinha de sapê”

A vida é muito curta para ser desperdiçada ao lado da pessoa errada.

Claro que não existe nenhum casal perfeito. Mas é fundamental que a relação lhe seja um bem. Por isso, mais do que paixão, uma relação saudável tem esses 12 sintomas:

Sensação de segurança.

Uma relação sem ataques de ciúmes não existe só porque você é uma pessoa equilibrada, mas também pela capacidade da outra pessoa em deixar claro seu caráter e a importância que você tem na vida dela, e vice-versa, já que em um amor, buscamos segurança.

Sono bom.

Uma relação feliz é calmante e, de fato, produz substâncias em nosso corpo que relaxam e nos causam a sensação de tranquilidade. Ela tem por função acabar com a angústia e ansiedade do nosso dia a dia.

Prazer em estar juntos.

É agradável estar junto, sem pressão, sem cobranças, apenas carinho e amor. Não sentimos o tempo passar. Mesmo em silêncio, é a melhor companhia. E quando vai embora deixa aquela sensação gostosa e saudável de quero mais.

Vontade de dividir tudo.

Nossa pasta de dente, nossas histórias e até nossa vida. Quando o amor é bom, queremos que a outra pessoa faça parte de tudo e nos sentimos valorizados quando ela divide e confia, mesmo que suas dores.

Rir muito.

A alegria de estar junto é tão grande que o riso corre solto. Tudo fica lindo e engraçado. O que é tolo vira comédia. E, às vezes, parece que só vocês entenderam a piada. São um mundo à parte, graças ao hormônio do amor saudável.

Pensar em formar família.

É por um amor saudável que queremos que nossos filhos sejam criados. Não só pelo pai ou mãe que a pessoa pode ser, mas também pela parceria agradável na construção e manutenção da família.

Liberdade.

Quem ama dá liberdade, sim. Porque quem ama de volta, respeita. Então, se o amor é saudável não há por que ter preocupações. A fidelidade acontece naturalmente pela vontade de ficar juntos e não por exigência.

Conversam por horas.

Virar a madrugada conversando sobre coisas boas, ideias ou, até mesmo, bobagens é uma das grandes provas de que estamos com a pessoa certa.

Apoio, sem julgamentos

Nem sempre agimos da mesma maneira. E, muitas vezes, discordamos de quem nos relacionamos, mas um amor saudável tem a capacidade empática de ver a situação pelos olhos do outro e solidarizar-se em vez de julgar.

Sinceridade.

Quando o amor é real não escondemos quem somos e nem queremos que o ser amado faça papel de bobo. Se estamos certos do nosso amor, amamos por inteiro e não há porque enganar, seja de que forma.

Parceria em vez de competição.

Um casal saudável é ombro amigo nas horas difíceis e parceiro incondicional nas batalhas da vida. Competir é para rivais, não para duas pessoas que se amam.

Muito carinho

Um amor que vale a pena tem de ser uma relação de carinho. Nenhum casal sobrevive quando um faz do outro seu saco de pancadas. Aliás, grosserias e estupidez não significam afeto, porque o amor é gentil.

Se você não está em uma relação que lhe cause bem-estar, é a hora de correr atrás do prejuízo. A vida é muito curta para nos demorarmos onde não há amor de verdade, muito linda para ser desperdiçada com a pessoa errada.

Entretanto, se você tem uma rara relação saudável de amor, ou está quase lá, parabéns!!! Você é uma pessoa de sorte. Agora só falta a fazenda ou uma casinha de sapê…

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Luciano Cazz
"Luciano Cazz é publicitário, ator, roteirista e autor do livro A Tempestade depois do Arco-íris."

COMENTÁRIOS