Siga com dignidade, com fé e confiança. Deus ajuda a quem se ajuda

Sil Guidorizzi

Siga com dignidade, com fé e confiança. Manter o sorriso nos lábios ajuda. Aliás, Deus ajuda a quem se ajuda.
O que eu posso dizer é: acredite, continue, assim como eu acreditei e continuei meu caminho.

Nem tudo foi fácil, bonito, extraordinário, mas foi o que precisei passar e aprender. Os sopros do tempo me aliviaram alguns cansaços, um tempo mais reflexivo me permitiu sentir por onde deveria continuar.

Muitas vezes, nós lotamos nossa caixa de memórias e amargamos alguns desentendimentos. Confundimo-nos, buscamos respostas, atravessamos a rua várias vezes, indo e voltando muitas vezes, girando em círculo.

Quer saber? Não vale a pena. Não mesmo. É preciso girar a manivela da vida se desconstruindo e construindo novamente.

Por vezes pode faltar alguma coisa, pode faltar o ar, a janela a porta que emperra o chão que precisa ser trocado por algo mais firme e consistente.

Por vezes, pode ser só mania de achar que tudo dá errado. Não é assim. Pessoas chegam, partem, por vezes nos partem e nos afastam de certos sentimentos, mas toda a proximidade que chega e alivia o peito é como presente depois de um tempo se embrulhando em coisas que não nos mereceram.

Abrir um novo olhar, tocar, reconhecer e acreditar que a vida pode estar nos libertando de tanta coisa que ficou no passado é como dar chance ao destino.

O que eu sei é que é preciso se recompor, desapegar daquela velha luta sem fim, das desigualdades do coração, do oferecer mais e nada receber. É preciso soltar as amarras e provar que quem troca, recebe, quem recebe, doa; e quem perdoa de verdade, segue mais feliz.

É por isso que sempre estamos nos digladiando, sempre questionando coisas que já nem são mais pra ser. Perder tempo com quem nada tem a dar é como perder a cada instante um segundo do que poderia ser mais bonito e simples.

Eu acredito em acaso, destino. Acredito tanto em Deus, que Ele é força contínua a cada tombo, a cada levantar, a cada joelho que se ralou, a cada parte da alma que se despedaçou e se refez.

Viver não é fácil diante da sua complexidade e do que muitas vezes transformamos em tempestade dentro do copo d’água.

Hoje eu deixei para trás os lamentos e limpei tudo que era preciso. Não me importo com o que pensam.

Tem gente que não nos conhece, tira as suas próprias conclusões e ainda se acha PhD. em relação à nossa própria vida. Cada um que cuide de seu espaço, cada um que aprenda com seus erros e acertos.

Não estou aqui para julgar, mas para dar a mim chance de melhora e cura. O que eu posso dizer é: siga com dignidade, com fé e confiança. Manter o sorriso nos lábios ajuda. Aliás, Deus ajuda a quem se ajuda.

Busque um tempo onde teu eu possa sentir que está onde precisa e que nada lhe falta. Isso se chama autoconsciência e encontro com a sua luz interna. É ela quem lhe guia.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS





COMENTÁRIOS