Quem se vitimiza é feito criança, ainda não sabe aceitar os “nãos” da vida.

Você quer desfrutar de uma vida próspera? Sei que você quer! Todos nós queremos! Mas para prosperar, o primeiro passo que precisamos dar é o da autorresponsabilidade! Porque prosperidade alguma nos alcança, antes que tenhamos curado a nossa criança que deseja e quer tudo, mas não sabe, ao certo, o que, em verdade, necessita!

Imaginem uma criança de, aproximadamente 4 anos entrando em um supermercado com a mãe. Ela olha todas as coisas e acredita que precisa de tudo. Ela não sabe que sua mãe não pode comprar tudo, e que ela não precisa de tudo, mas se sua mãe pudesse comprar,e la levaria o supermercado todo, porque ela ainda não possui dissernimento para entender o que ela realmente precisa!

A criança chora e faz birra diante da negativa da mãe porque não sabe fazer as escolhas certas pra si mesma!

O mesmo acontece com quem se vitimiza…

Quem se vitimiza é feito criança, ainda não aprendeu a aceitar os nãos da vida.

Uma pessoa que se vitimiza é feito uma criança porque ela carrega em seu coração desejos infantis e espera que as pessoas e, a vida, concedam a ela, tudo o que, inconscientemente, o seu ego pede.

Ela não percebe que, tudo isso que ela deseja, não é, de fato, uma necessidade. Porque falta a ela o básico: conhecer a si mesma!

É fácil reconhecer uma pessoa que não conhece as suas reais necessidades, sua fala é empregada de expressões no passado, como: “EU QUERIA FAZER ISSO”, EU QUERIA SER ASSIM”, EU DEVERIA TER FEITO”…

Ou no futuro: “EU VOU TENTAR”, EU NAO FIZ AINDA, MAS ESTOU PENSANDO EM FAZER”…

Ou então, ela se exime da responsabilidade e diz: EU NÃO CONSIGO”, EU NÃO POSSO”, EU NÃO MEREÇO, EU NÃO SEI”…

Essa postura a coloca em uma posição de espera e paralisia! Ela fica esperando que os outros façam por ela, que a vida traga a solução, que um milagre aconteça, simplesmente, para que ela mesma não tenha que se responsabilizar e se movimentar no sentido de conhecer a verdade a respeito de si mesma!

Ela teme a verdade, quando deveria temer as mentiras que ela conta para si e para os outros!

Quando falo em prosperidade, não falo de dinheiro mas, sim, de se sentir feliz com a própria vida, independente de qual seja a sua realidade e da forma como ela se apresenta.

Existem muitas pessoas que se vitimizam e que possuem muito dinheiro, mas são profundamente infelizes.

Elas não são prósperas em todas as áreas da vida, apenas possuem dinheiro!

Uma pessoa próspera é feliz, mesmo que ainda não tenha tudo o que quer, porque sabe que tem tudo o que precisa: a sua vida!

Ela é grata pela vida que recebeu de presente e se movimenta, diariamente, para crescer e se desenvolver, para expandir a sua consciência e perceber o real sentido de todas as situações e pessoas que cruzam o seu caminho!

Ela olha para as dificuldades como desafios e não como castigos e se desafia a superar cada uma delas com resiliência! Enquanto aquela que se vitimiza, senta e chora.

Por vezes, acredita que está sendo castigada por seus pecados, mas ela nem admite ainda quais são, ou quando admite, não se move para desfazer os nós das crenças equivocadas que ela mesma alimentou.

Eu posso dizer isso pq já me vitimizei muito nessa vida e fui extremamente infelizmente enquanto vesti essa armadura da vítima. O que posso dizer é: Não há pecado, nem pecador!

Não há Adão e Eva, não há paraiso, não há treva! Tudo isso é fruto da mente humana que não se cansa em criar barreiras para que não escutar o próprio coração!

A mente não sabe o caminho de volta pra casa, mas o nosso coração sabe! Ele já esteve lá, diversas vezes! Mas quem se vitimiza não escuta, nem confia nas mensagens que vem do coração!

Ela precisa racionalizar tudo! Ela quer respostas pra tudo! Ela quer controlar tudo! E nessa tentativa da razão, tira conclusões completamente distorcidas da realidade!

Quando nós escolhemos ouvir o coração e silenciar a mente, a autorresponsabilidade aflora e o sofrimento dá lugar a calma e a confiança!

Passamos, então, a perceber claramente quais são as nossas necessidades e saímos em busca de satisfaze-las por nós mesmos!

Não esperamos mais o ego pautar nossas ações e nem culpamos mais os outros por tudo o que nos causa medo, insatisfação e tristeza.

Quer ser próspero?

Assuma a responsabilidade diante da sua vida e pare de querer tudo feito uma criança de 4 anos em um supermercado!

Busque conhecer a si mesmo e saber quais são as suas necessidades, elas sempre estão relacionadas com os seus valores!

O que você valoriza?

O que você valoriza em você? O que você valoriza na vida? Onde você está impregando valor?

O que você está valorizando é realmente o que você necessita?

Faça essas perguntas em meditação!

Não exija respostas, apenas peça com humildade elevando a sua vibração na frequência do amor e, aguarde, vivendo atentamente, vigiando e orando, que elas chegarão!

Se a sua vibração estiver baixa, dificilmente vc vai reconhecer as respostas pq, inconsciente, mesmo que elas cheguem, vc não as perceberá!

Desperte! Foque no aqui e agora!

O que você pode fazer para que tudo fique melhor?

Reflita!

*DA REDAÇÃO RH. Texto de Iara Fonseca, jornalista, escritora, editora de conteúdo dos portais Resiliência Humana, Seu Amigo Guru, Homem na Prática e Taróloga. Para agendar uma consulta de Tarô Espiritual com a Iara, mande um direct para @escritoraiarafonseca

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Jornalista, escritora, editora chefe e criadora de conteúdo dos portais RESILIÊNCIA HUMANA, SEU AMIGO GURU e HOMEM NA PRÁTICA. Neurocoaching e Mestre em Tarot. Para contratação de criação de conteúdo, agendamento de consultas e atendimentos online entrem em contato por direct no Instagram @escritoraiarafonseca .