A pessoa que justifica o injustificável e perdoa o imperdoável, sofre por não conseguir impor limites.

Você justifica o injustificável, perdoa o imperdoável, aceita o inaceitável. Você sofre, mas não é capaz de impor limites; sente que te faz mal, mas tem medo de exigir demais e perder; quer algo melhor para sua vida, mas ainda nutre esperanças que o outro mude e tudo se transforme.

Há uma frase que diz mais ou menos assim:

“Nada é eterno. O café esfria, o cigarro apaga, o tempo passa, as pessoas mudam…”

Somos especialistas em criar expectativas, em gerar realidades fictícias que, em um grande número de ocasiões, acabamos acreditando.

Às vezes, esperamos que tudo aconteça como pensamos, para sermos tratados como merecemos. O problema é que a realidade não se rende à nossa vontade, não leva em conta nossos desejos.

Portanto, em vez de esperar que a magia aconteça sozinha, é melhor nutrir nossas intenções, focar em nossos atos e sair em busca deles.

Confie no fluxo que você mesmo pode criar, escolha viver na energia do amor, do bem.

Tenha fé na vibração positiva que impera na vida daqueles que não conspiram contra ninguém, não praticam a inveja, o negativismo e o rancor. E, acima de tudo, que a gratidão seja verdadeiramente cultivada no seu coração.

O que não pode ser justificado, não se justifica, o que não se consegue perdoar, não precisa ser perdoado a força! Se acolha, se permita sentir o que precisa ser sentido, só não se apegue.

Apenas aceite as coisas como são e deixe-as ir!

Sinta o seu coração leve após essa decisão desapegada e impregnada de sabedoria!

Caminhe com passos firmes sem desistir dos seus objetivos porque por mais desafios que a vida te apresente, ela sempre te traz motivos para agradecer e, você só precisa limpar os seus óculos que estão embaçados pela dor para ver a beleza de tudo que você já conquistou na vida.

Abra bem os seus olhos e sinta o amor invadindo o seu coração, você merece todo o amor que busca nos outros, então passe a oferecer esse amor a você, mesmo que ninguém te veja, mesmo que ninguém te escute, essa vibração de amor por si mesmo será a sua motivação para conquistar tudo o que você deseja.

Se você se perdeu da sua essência ou cria expectativas de mais chegou a hora de buscar o autoconhecimento, uma terapia, ou constelação familiar. Chame no direct, eu posso te ajudar!

*DA REDAÇÃO RH. Texto de Robson Hamuche, idealizador do Resiliência Humana e terapeuta transpessoal.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Robson Hamuche é Terapeuta transpessoal com especialização em constelação familiar, compõe a equipe de terapeutas do Instituto Tadashi Kadomoto (ITK). É também idealizador e sócio-proprietário do Resiliência Humana, grupo de mídia dedicado ao desenvolvimento humano, que reúne informação de qualidade acerca de todo o universo do desenvolvimento pessoal, usando uma linguagem leve e acessível.