Quando um animal de estimação morre é como se tivéssemos perdido alguém da família. Só entende quem já viveu.

A dor pela perda do animal de estimação não costuma ser compreendida por aqueles que não têm um cão ou um gato.

Muitos acham estranho quando você chora desconsoladamente por um animal que você tinha como um filho. Quando um cão ou um felino morrem, quem nunca viveu esse amor, não consegue compreender a sua dor e, por isso, despreza os sentimentos.

Cada vez mais casais e famílias adotam um animal de estimação e passam a entender que eles são mesmo um membro a mais de suas casas, como se se tratassem de uma pessoa, um parente. Inclusive, muitos, cuidam de seus pets como se fossem seus filhos.

Como superar a morte de um animal de estimação

Não importa se seus amigos ou familiares não lhe entendem ou dizem que você é exagerado por se sentir triste pela morte de um animal de estimação.

Quando o seu cão ou gato morre, você precisa expressar sua tristeza e confortar a sua perda. Viver o luto, porque só quem já viveu a perda sabe como eles são especiais.

Não tente desfarçar e seguir em frente só porque as pessoas não compreendem a sua dor. Tire o tempo que necessitar para atravessar este horrível momento.

Se sentir que quer derramar milhares de lágrimas, não as reprima. Alivie toda sua dor através do choro.

Infelizmente, eles não vivem muito, mas o pouco que vivem, transformam a nossa forma de amar. E isso não tem nada que pague.

Seja paciente, já que, durante as primeiras semanas, você se sentirá realmente triste. Se não tiver vontade de falar do assunto, não fale, se preferir passar o final de semana dentro de casa, faça isso. Mas saiba que, em algum momento, você vai ter que retomar a sua vida habitual.

Mesmo que o trauma da perda seja muito desafiador e gere um medo de ter um novo animal de estimação, por receio de o perder, há muitos animais sem lar que necessitam da sua ajuda, não se prive de uma nova companhia.

Saiba que, apesar da dor, ainda amor de sobra dentro de você, e você deve o oferecer de novo e se permitir receber esse amor de volta.

Esse amor é eterno.

*DA REDAÇÃO RH. COM INFORMAÇÕES MEUS ANIMAIS. Foto de Taylor Sondgeroth no Unsplash

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia