Por que será que todo início é tão difícil? Será que é pelo fato de sermos resistentes a mudanças?

Idelma da Costa
por-que-sera-que-todo-inicio-e-tao-dificil-sera-que-e-pelo-fato-de-sermos-resistentes-a-mudancas

Por que será que todo início é tão difícil? Será que é pelo fato de sermos resistentes a mudanças?

As dificuldades de qualquer marinheiro de primeira viajem sempre serão superadas; será apenas uma questão de tempo para achar o fio da meada. O ser humano gosta de sentir-se seguro e essa segurança é adquirida quando se está na zona de conforto.

Quem não gosta de ter domínio do que faz? Na realidade, todos nós gostamos de saber o que estamos fazendo.

O início de qualquer coisa é desafiador e cobra algum tipo de mudança. Toda mudança exige um pouco de sacrifício, principalmente quando se está adaptado à situação anterior.

A vida muda constantemente.

E de algum tempo para cá tem mudado muito e de maneira rápida demais e até surpreendente.

Quem viveu em uma época anterior à Nova Era Tecnológica, que o diga.

A evolução tecnológica chegou com tudo e mal deu tempo para ir digerindo aos poucos.

Não deu a opção de escolher entre o antes e o depois, simplesmente impôs um novo padrão de vida, influenciando a todos no modo de agir e pensar, influenciando nos usos e costumes.

Despejou de uma só vez um leque enorme de informações, que impossibilitou sua digestão de uma só vez.

Aliás, somos seremos humanos em construção e precisamos de um pouco de tempo para digerir e processar todas as transformações que tem ocorrido no mundo.

Não é à toa que muitos se sentem perdidos e acabam travando diante do novo, até acharem o fio da meada.

Para a geração que aprendeu a ter como hábito a fazer uma coisa de cada vez (ter hora certa para as refeições, para trabalhar, para falar e para ouvir), ver essa nova geração surgindo, que consegue fazer tudo ao mesmo tempo e sem a ajuda de um manual de orientação é encantador.

Só faltou mesmo nascerem falando e andando.

A nova geração tira de letra e nem precisa do famoso tempo para se adaptar, pois já nasceram no meio desse turbilhão tecnológico e a adaptação se deu de forma espontânea e natural sem desgastes desnecessários.

Não significa que a geração anterior não dê conta de acompanhar a nova Era.

Irá conseguir e tirará de letra, mas precisará se esforçar mais e demandará um pouco de tempo.

Apesar da dificuldade no princípio, com o decorrer do tempo tudo é superado e acabará dando certo de um jeito ou de outro.

Isso acontecerá em quaisquer aspectos da vida, seja no início do casamento, no primeiro emprego, nos cuidados com o primeiro filho…

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS






COMENTÁRIOS




Idelma da Costa
Idelma da Costa, Bacharel em Direito, Pós Graduada em Direito Processual, Gerente Judicial (TJMG), escritora dos livros Apagão, o passo para a superação e O mundo não gira, capota. Tem sido classificada em concursos literários a nível nacional e internacional com suas poesias e contos. Participou como autora convidada do FliAraxá 2018 e 2019 e da Flid 2018.