Por que Deus demorou tanto para me dar um bebê

Resiliência Humana

Eu estava pintando na garagem, e ela estava desenhando um arco-íris no chão de cimento com giz quando disse: “Estou feliz que Deus tenha me dado como minha mãe”.

Por Rebekah Fox

Eu não estava pronta para isso.

“O que?” Eu perguntei, certificando-me de ouvi-la direito.

Ela tentou repetir, mas suas palavras saíram um pouco mais estranhas dessa vez e disse algo como:

“Estou feliz que você seja minha mãe de Deus”.

Lágrimas encheram meus olhos.

Então ela rezou:

“Deus, obrigada por me dar minha mãe. E obrigada (não consegui entender essa parte.) E obrigada, ela me faz o café da manhã. E obrigado, vamos fazer spagotti de abóbora (biscotti). Espero que tenha um gosto bom. Você acha que vai ser bom, Deus?

Então ela abriu os olhos e voltou a desenhar seu mural de giz – enquanto meus olhos se embaçavam com lágrimas e um caroço enorme veio à minha garganta. De onde isso veio?

Ela tem 3 anos … e eu não sabia que seu pequeno coração podia ter tanta gratidão. Ou que isso simplesmente sairia dela, durante esse momento sutil na garagem. Ou que ela agradeceria a Deus, em voz alta, por mim, naquele momento.

Normalmente, ela nem quer orar em voz alta – mesmo comigo encorajando-a. Mas hoje ela sentiu algo dentro dela.

Algo bonito.

Seu pequeno coração pode ter mais amor do que eu imaginei.

Sua mente pequena … não é tão pequena quanto eu acho que é. Ela pensa muito além do que eu esperaria.

“Obrigado, Selah”, eu disse, sorrindo. “Estou tão feliz que Deus me deu você como minha filha. ”

Eu a teria abraçado naquele momento, se minhas mãos não tivessem tinta branca nelas e se não houvesse tanto lixo entre nós no chão. As gavetas que eu estava pintando e uma velha cadeira de madeira.

“Você teve que esperar muito tempo por mim, mãe?” ela perguntou. (Eu já contei a história várias vezes, mas ela queria ouvi-la novamente.)

Eu atravessei o lixo no chão e me aproximei um pouco dela. “Sim, eu disse. “Pedi a Deus um bebê repetidamente. Mas ele não me deu um por um longo tempo.

“E quando eu e papai descobrimos que você estava na minha barriga, ficamos muito felizes!” Eu disse a ela.

“Você sabe por que Deus demorou tanto para lhe dar um bebê ?” ela disse.

“Não, querida”, eu disse. “Eu não sei.”

“Eu sei o porquê”, disse ela.

“Por quê?” Eu perguntei.

“Porque … ele estava me fazendo”, disse ela.

Eu olhei em seus profundos olhos azuis, que pareciam saber algo de outro mundo, e seus cabelos loiros despenteados farfalhavam na brisa. E naquele momento, ela parecia ter mil anos.

“Ele estava me fazendo”.

E essa resposta foi suficiente?

E meu coração ressoou com a verdade: “Claro que foi. Claro, isso é exatamente o que Ele estava fazendo, Querida.

Porque agora que eu a conheço e sei como ela é especial – isso faz sentido, e entendo porque demorou tanto tempo.

Não sei o que Deus estava fazendo com ela lá em cima. Há algo nela, que parece que passou muito tempo no peito de Deus antes de vir ao meu. Quase como se o céu não quisesse desistir dela.

E digo isso com lágrimas, para vocês, estéreis …

Para aqueles que estão esperando que suas orações sejam respondidas.

Que oram todos os dias para que Deus lhe deem um bebê. Para lhe dar vida.

Não sei por que está demorando tanto.

Não sei se Ele lhe dará um filho através do seu ventre, ou através de um orfanato ou adoção. Mas de qualquer maneira … se você está esperando agora e não sabe por que está demorando tanto. Talvez seja porque Deus, o Criador e Doador da Vida e de todos os seres vivos … ainda está no processo de criar seu bebê.

Não podemos sequer começar a compreender o que está acontecendo nos céus, no invisível, e o que, ou quem, Ele está formando.

Seus caminhos não são como os nossos. O tempo dele não é como o nosso. E talvez se Ele está se movendo tão devagar e está demorando tanto … é porque Ele está formando algo tão deslumbrante e bonito … que não pode ser apressado.

Ele está no processo de formar uma obra-prima. E talvez um dia, uma pequena obra-prima esteja diante de você e diga: “Eu sei por que Deus demorou tanto para lhe dar um bebê”.

E você dirá: “Por quê?”

E ele dirá:

“Porque… Ele estava me fazendo.

** Tradução e adaptação REDAÇÃO RH. Originalmente publicado em BarrenToBeautiful.com.
*Foto: Pinterest

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS






COMENTÁRIOS




Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia