Participe da campanha: Corte o elástico antes de jogar a máscara no lixo!

Essa campanha começou através de um artigo escrito por Susana Camargo.

As máscaras hoje, são um motivo de preocupação, e não apenas um símbolo de respeito.

Sim, usar máscara nos coloca em um lugar de respeito ao outro, visto que enfrentamos uma pandemia sem precedentes, mas, muitos ainda não entenderam que o respeito precisa ir além, precisa passar pela consciência de não as descartar de forma incorreta, evitando assim, que elas se tornem um problema de saúde ambiental.

Estima-se que por causa da pandemia da COVID-19 sejam usadas diariamente 6,8 bilhões de máscaras descartáveis no mundo. Infelizmente, devido ao possível risco de contaminação, essas máscaras são jogadas no lixo – incineradas ou despejadas em aterros sanitários -, já que não podem ser recicladas.

Infelizmente, máscaras também têm sido descartadas em outros locais e mesmo nos aterros, elas se tornam um risco para animais. Em julho do ano passado foi divulgada a foto do caso de uma gaivota encontrada com uma máscara presa ao pescoço e nas patas que foi resgatada na Inglaterra.

MÁSCARA-presas-nas-patas-da-gaivota

Apenas até setembro de 2020, a organização britânica RSPCA tinha atendido 900 chamadas relacionadas a animais presos em máscaras.

“Agora que máscaras são obrigatórias e podem continuar por algum tempo, esta mensagem é mais importante do que nunca, pois milhares delas são jogadas fora todos os dias. Estamos preocupados com as máscaras descartadas que podem se tornar um perigo significativo, especialmente para animais selvagens e pássaros”, alertou Chris Sherwood, diretor executivo da RSPCA.

Tiras ou alças de elástico, embora aparentemente inofensivas, podem ficar enroscadas em pequenos animais e bicos de pássaros. Se ingeridas, também podem causar asfixia. A recomendação é que, sempre que possível, corte o elástico antes de jogar a máscara ou qualquer outro produto no lixo!

O site Conexão Planetária compartilhou algumas dicas da RSPCA para proteger os animais:

– Recicle e reutilize tanto quanto possível – e coloque todo o resto na lixeira;

– Corte as alças das sacolas plásticas antes de reciclar para evitar que os animais fiquem emaranhados;

– Corte suportes para latas de plástico e elásticos para que os animais não sejam apanhados;

– Corte os balões antes de colocá-los no lixo;

– Corte luvas descartáveis para evitar que os animais fiquem enroscados;

– Limpe e esvazie os recipientes após o uso e feche as latas ou corte os recipientes ao meio antes de reciclar.

Participe da campanha de retirar o elástico da máscara antes de jogá-la no lixo, essa atitude te colocará mais consciente diante dos efeitos que as nossas ações podem causar na vida como um todo.

Vamos despertar para essa consciência!

*DA REDAÇÃO RH. Com informações CP e Sic Mulher.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia