Nossas relações são espelhos que nos refletem!

Patricia Tavares

Nossas relações são espelhos que nos refletem! Em cada momento da vida vejo como tem tantas coisas que ainda não sei, que não possuo experiência. Quanto mais vivo mais vejo a importância de todos, das trocas de vivências, de experiências.

Se eu não sei algo, alguém das minhas relações pode ter vivido algo semelhante e me fornecer sua experiência, e contribuir para que eu consiga melhor lidar com tal situação, e vice-versa, somos mais fortes quando trocamos, acrescentamos um na vida do outro.

Em questões humanas, por mais diferentes que sejamos um do outro, somos semelhantes, em dores, amores, alegrias, tristezas.

A natureza humana é igual para todos, mesmo que a percepção seja individual.

Cada fase é uma fase, cada momento uma experiência, uma oportunidade, uma possibilidade de troca.

Cada momento é único e contribui para o nosso desenvolvimento pessoal.

Na fase que vivemos algo maravilhoso, especial, não nos damos conta que esta fase passará.

Porque tudo passa.

Eternizamos em nós, através do sentimento e memória, por isso a necessidade de filtrarmos apenas o que seja de fato acréscimo, bom, enaltecedor.

Não vale mesmo a pena perdermos o tempo preciosíssimo de nossas vivências, amizades, amores e afetos com quinquilharias, já que logo virão outros momentos.

Hoje a minha relação comigo, a cada dia é mais fácil, com os outros também.

Não perco mais tanto tempo com coisas menores, quero viver a melhor parte, tendo consciência que as pedras existem, os obstáculos também, mas quero visar além, ultrapassar aquilo que não for para o meu melhor e somar somente energias de esperanças, compreensão, amor, alegrias, prazer, gentilezas, generosidades, compaixão.

Consigo entender melhor que todos os sentimentos bons necessitam ser cultivados em mim, para depois serem distribuídos para todos.

Como posso compreender melhor o meu amor, o meu filho, o meu vizinho, amigo, se não me compreendo, se não me conheço?

Como vou desculpar o erro alheio, não ser tão crítica com todos, se não desculpo os meus erros, se me julgo muito, se vivo me criticando?

Antes, necessitamos de uma maior compreensão sobre nossos sentimentos, melhor elaboração, para praticarmos diariamente o auto perdão, auto amor, sermos gentis conosco.

Nos aceitarmos como somos, tendo consciência da verdade sobre nós, não para nos criticarmos o tempo todo quando erramos ou não fazemos exatamente como gostaríamos, mas para nos desculparmos na prática de exercitarmos o nosso melhor.

Substituir críticas por responsabilidade nos faz mais felizes conosco.

Desta forma as nossas relações ficam mais fáceis, elas são como espelhos, nos refletem.

Plante o melhor, dentro e fora de ti.

Plante sementes lindas, regue com a água doce do amor, veja flores lindas brotarem, muita luz se expandindo em você.

Uma fonte inesgotável dos melhores sentimentos que deseja encontrar nas pessoas, surgirão em você.

Todos nós já possuímos condições de transmutar o que ainda não é tão bom, em muito melhor.

Boa vontade, esperanças, força de vontade, fé, benquerer, luz radiante, expanda.

Seja melhor e espalhe o melhor para o mundo e em torno de ti, ao invés de estar sempre julgando os outros.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Patricia Tavares
Sou Psicóloga e Reikiana nível 2, trabalho há 19 anos em consultório com psicoterapia, hipnose clínica. Já trabalhei em hospital, núcleo de violência da mulher. Acredito na vida, no amor, nos bons sentimentos, no perdão, na beleza da alma, na superação, no ressignificar, na humanidade. Adoro escrever e falar sobre sentimentos, superações, motivar pessoas, conseguir promover o melhor, despertar o que possa ser maravilhoso em cada um de nós e libertar pessoas de suas prisões emocionais, com uma nova e especial forma de viver, independente dos acontecimentos da vida.