Não seja disponível demais para ninguém!

Cris Souza Fontes

Não, minha amiga, não seja disponível demais!

Uma vez eu escrevi um artigo que falava mais ou menos desse assunto: pessoas que são disponíveis demais. Será que tudo seria diferente se eu desse mais atenção às minhas coisas e menos a ele? Será que eu seria mais feliz ou será que ele me amaria e me valorizaria mais? É CLARO QUE SIM!

Eu sei que não é fácil ver que o cara mandou uma mensagem que você esperava há dias, num sábado, às dez horas da noite, chamando-a para sair, alegando que pensou em você e tal e resistir.

adinserter block=”4″]

É difícil não aceitar o convite de última hora, se tudo o que você quer é estar com ele, é passar algumas horas com ele, ficar com ele, enchê-lo de beijos à noite inteira… Mas será que ele pensa o mesmo que você?
Será que o fato de lhe para sair às dez da noite não quer dizer que anda sem opções e daí a procurou?

Talvez, tenha até recebido um bolo da mulher com quem esperava sair e, para não perder a noite, procurou na agenda de “mulheres disponíveis” e encontrou seu nome lá. Foi fácil para ele ligar, dizer que sentiu saudades e chamá-la para sair e você, claro, aceitar.
O que acontece, minha amiga, é que no dia seguinte ele volta a sumir. Sumir, sim, desaparecer!

Como se não tivesse nem a visto na noite anterior. Não atende suas ligações e nem lê suas mensagens insistentes. Então, você chora e se desespera, não compreende por que ele faz isso ou como você foi tão idiota de cair mais uma vez nessa cilada!
Sim, porque você sabe que não é a primeira vez que ele a chama para sair de última hora e você aceita. Não é a primeira vez que você troca seu compromisso agendado há semanas com suas amigas para vê-lo. Não é a primeira vez que você deixa de fazer o que está fazendo para atendê-lo, ajudá-lo em algo ou satisfazer alguma vontade dele. Concorda comigo?

Se você é dessas mulheres, saiba que não é valorizada justamente por se importar mais com ele do que consigo mesma! Por estar sempre disponível quando ele precisa, dar atenção demais a ele, importância demais ao invés de dar a devida importância aos seus próprios momentos de prazer e felicidade.

Ah, mas você só é feliz ao lado dele? E no dia seguinte quando ele desaparece, é feliz também?
Quando ele não a apresenta para os amigos, é feliz também? Quando esteve com ele no final de semana passado e no seguinte ele apresenta outra mulher para seus pais? É feliz assim também?

Sei que pode passar na sua cabeça que não consegue entender como uma pessoa dá tão pouco valor a alguém que o valoriza tanto! Então, eu venho aqui e lhe digo: nós, os seres humanos, somos assim. Somos cruéis e damos pouco valor ao que temos de forma fácil e quando queremos. Quando lutamos por algo, quando não temos a todo momento que desejamos, desperta em nós uma vontade de estar mais perto, mais junto, como se fosse a conquista de um prêmio.

Lembre-se de que as pessoas gostam de conquistar, (acho que todo mundo gosta) e quando ele tem o que quer fácil demais, logo enjoa e troca por outra conquista.

Toda vez que um cara ligar, assim, de última hora, como falta de opção e você aceitar, saiba que ele não vai valorizar você! Nem hoje, nem amanhã, nem nunca!
Uma mulher que larga tudo o que está fazendo para atender a um homem demonstra que não tem domínio sobre a própria vida, que não ama o que faz, o que vive, nem nada mais além dele.
E isso o satisfaz naquele momento, mas é aquela mulher cheia de compromissos, que não troca seu filminho com as amigas para sair com ele, é a que ele quer e vai atrás.

Não abra mão dos seus compromissos para atendê-lo, não jogue flores pelos caminhos que ele passar, não atenda sempre suas ligações a qualquer hora do dia e da noite, como se ele fosse o único homem do planeta!
Não deixe que ele saiba que você se importa, que seu mundo gira em torno dele, não deixe seu mundo girar em torno dele! Aprenda que uma mulher que se ama mais do que ama um homem terá a todos aos seus pés porque é ela quem impõe regras, é ela quem decide, é ela que diz “não” quando ele liga a qualquer hora para dar uma volta. Deixe que ele saiba que as coisas não funcionam como ele quer.
Não abra mão da sua vida por causa de ninguém, mulher! O resultado sempre serão noites em choro esperando por alguém que lhe prometeu o mundo e não lhe deu nada.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS







COMENTÁRIOS




Cris Souza Fontes
Escritora, blogueira, amante da natureza, animais, boa música, pessoas e boas conversas. Foi morar no interior para vasculhar o seu próprio interior. Gosta de artes, da beleza que há em tudo e de palavras, assim como da forma que são usadas. Escreve por vocação, por amor e por prazer. Publicou de forma independente dois livros: “Do quê é feito o amor?” contos e crônicas e o mais espiritualizado “O Eterno que Há” descrevendo o quão próximos estão a dor e o amor. Atualmente possui um sebo e livraria na cidade onde escolheu viver por não aguentar ficar longe dos livros, assim como é colunista de assuntos comportamentais em prestigiados sites por não controlar sua paixão por escrever e por querer, de alguma forma, estar mais perto das pessoas e de seus dilemas pessoais. Em 2017 lançará seu terceiro livro “Apaixonada aos 40” que promete sacudir a vida das mulheres.