Não se prenda as dores dos amores passados para justificar a dificuldade de se lançar em um novo amor!

Patricia Tavares

Não se prenda as dores dos amores passados para justificar a dificuldade de se lançar em um novo amor! Não tenha como referência relacionamentos que não deram certo.

Pare de se enganar!

Quando um amor chega ele invade, não pede licença, não bate na porta antes de entrar…

O amor, quando acontece, não espera que você esteja curado do seu passado, das suas dores de outros amores. Ele se apresenta com tudo e mostra que chegou para estar, para acontecer, com uma potente energia de vida e da alegria de querer ser vivido, e a única pessoa que pode impedi-lo de florescer é você, com receios, com prevenções tolas, com as feridas que não deixa cicatrizar.

Sim, prevenções tolas, porque ninguém é igual a ninguém. Cada história é única, e assim como se vive coisas amargas, poderá se viver muitas coisas felizes, não é por ter sido magoado por alguém que todos serão iguais.

Pare de querer padronizar comportamentos e atitudes, pois a vida é feita de surpresas e atualizações. Cada pessoa é única.

E não escute conselhos quando alguém se aproxima: ” Cuidado vai se machucar novamente”. Que é isto! A desesperança e azedume não precisam ser seus conselheiros habituais. Todas as experiências contribuem para você ter mais habilidades na vida e melhor saber lidar com todo e qualquer empecilho, desamor ou desilusão.

Se você acredita no amor, se quer amar, saiba ter esperança no amor, mais do que sombras e recordações ruins.

Na busca do que acredita terá sempre muitas pedras para ultrapassar, terá muitos obstáculos, falsos amores, ou até amores reais que durante um tempo, sejam bons e que depois não mais. Porque amor precisa também de sintonia, de parceria, e às vezes um se desenvolve por uma estrada e por algum motivo o outro trilha um caminho diferente.

Não é sempre que dá para seguir junto, mesmo quando há um grande amor…

A vida tem muitos mistérios! Não é possível compreender tudo do coração…

Quando a pessoa amadurece ela compreende que não é somente o amor que sustenta uma relação, mas também não é possível alguém montar uma lista de elementos fundamentais que todos necessitam para viver uma relação saudável de amor, porque existem muitas possibilidades de relações e combinações de contratos.

Mas uma coisa é certa:

Quando estiver em uma relação de amor saudável saberá.

Ela é nítida, existe paz, existe beleza, existe reciprocidade, há um entendimento natural, ninguém necessita fazer um esforço grande para agradar, ou deixar de fazer o que se acredita em função de desejos e caprichos do parceiro(a).

Existe uma harmonia nos acordos, há uma felicidade que transcende e que conforta os envolvidos, há brilho no olhar do ser amado quando olha para os seus olhos, e há brilho no seu olhar quando olha os olhos do seu amado.

E não é bom abafar, sufocar, matar algo que surge com tanta força boa, com tanta grandeza e sabedoria de querer ser algo bom, independente do tempo que vá durar.

Abra a porta do seu coração,esqueça os antigos amores. Agora só o que tem importância é o amor que está sendo gerado e que está pronto para nascer e ser muito amado!

Renasça para um novo amor, gere amor, seja amor.

Desta forma tudo que não esteja nesta vibração ficará para trás, morrerá, sem esforços, naturalmente.

Porque o tempo de amar é agora!

Quando um novo amor chega não dá para ficar medindo tudo, avaliando milimetricamente, vai precisar se jogar novamente!

Não há outro jeito de viver um grande amor! Mas você irá precisar ir se curando no caminho e confiar muito em você, no seu coração e na sua razão.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS






COMENTÁRIOS




Patricia Tavares
Sou Psicóloga e Reikiana nível 2, trabalho há 19 anos em consultório com psicoterapia, hipnose clínica. Já trabalhei em hospital, núcleo de violência da mulher. Acredito na vida, no amor, nos bons sentimentos, no perdão, na beleza da alma, na superação, no ressignificar, na humanidade. Adoro escrever e falar sobre sentimentos, superações, motivar pessoas, conseguir promover o melhor, despertar o que possa ser maravilhoso em cada um de nós e libertar pessoas de suas prisões emocionais, com uma nova e especial forma de viver, independente dos acontecimentos da vida.