Não ofereça o seu amor a uma pessoa fraca, insegura, agressiva e controladora.

Sua vida e a responsabilidade de se sentir amado, é apenas sua, não ofereça o seu amor a qualquer um por carência.

Cada um recebe de presente e sem solicitação a própria vida, para se apropriar de si, desbravando os seus talentos para realização de suas necessidades físicas e psicológicas.

Se apegue a o que há de bom em você e tome posse de sua própria “felicidade”.

Colocar em mãos alheias algo tão precioso como o seu amor é, no mínimo, ser irresponsável consigo.

A relação à dois, é a fundação de uma empresa onde os sócios tem participação de 50% das ações e, portando, ambos possuem a responsabilidade de fazer dar certo ou de levar essa empresa a falência.

A mulher ou o homem que desavisadamente se envolve com uma pessoa fraca, insegura e controladora, rapidamente se dará conta disso, e da pior maneira possível.

Sofrerá as consequências do “sequestro de sua subjetividade” e a perda de sua identidade.

Ao perceber os primeiros efeitos colaterais danosos de uma relação tóxica e abusiva, não é saudável permanecer na dúvida, é preciso se retirar para se salvar.

Peça ajuda, relate, converse e se certifique se está adoecida emocionalmente pela “doença emocional do outro”.

É fácil se perder de si, quando nos envolvemos na rotina de alguém que manipula, mente, ameaça, amedronta, e trabalha com a vida do outro como se fosse uma “massinha de modelar”.

Quem nos ama, não quer alterar as bases que nos sustentam de pé: valores éticos e morais, cultura, hábitos e família.

É importante identificar um ciclo vicioso, de manipulação, restrição, medo e ofensas alternado com o de reforço positivo, presentes valiosos, manifestações de carinho desmedidas mediante a “obediência”.

É natural conversas e discussões sobre diferentes pontos de vista, isso não significa briga nem desavença. A maior ferramenta que temos é o diálogo, isso é natural e saudável, mas quando a agressividade vem à tona para manipular e controlar é hora de dizer adeus.

A relação saudável é sempre pautada no respeito, na admiração, no reconhecimento e principalmente na reciprocidade. Se você se sente corrompida, sem identidade e confusa em sua relação, busque ajuda!

Só entregue seu amor à quem merece. Uma pessoa fraca, insegura, agressiva e controladora nunca conseguirá ser feliz, muito menos, contribuirá com a sua felicidade.

*DA REDAÇÃO RH. Texto de Fabiano de Abreu Rodrigues, PhD, neurocientista, neuropsicólogo, biólogo, historiador, jornalista, psicanalista com pós em antropologia e formação avançada em nutrição clínica. PhD e Mestre em Ciências da Saúde nas áreas de Psicologia e Neurociências pela EBWU na Flórida e tem o título reconhecido pela Universidade Nova de Lisboa; Mestre em Psicanálise pelo Instituto e Faculdade Gaio/Unesco; Pós Graduação em Neuropsicologia pela Cognos em Portugal; Pós Graduação em Neurociência, Neurociência aplicada à aprendizagem, Neurociência em comportamento, neurolinguística e Antropologia pela Faveni do Brasil; Especializações avançadas em Nutrição Clínica pela TrainingHouse em Portugal, The electrical Properties of the Neuron, Neurons and Networks, neuroscience em Harvard nos Estados Unidos; bacharel em Neurociência e Psicologia na EBWU na Flórida e Licenciado em Biologia e também em História pela Faveni do Brasil; Especializações em Inteligência Artificial na IBM e programação em Python na USP; MBA em psicologia positiva na PUC. Membro da SPN – Sociedade Portuguesa de Neurociências – 814; Membro da SBNEC – Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento – 6028488; Membro da FENS – Federation of European Neuroscience Societies – PT 30079; Contato: [email protected] Foto de Mohamad Khosravi no Unsplash.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Fabiano de Abreu Rodrigues é psicanalista clínico, jornalista, empresário, escritor, filósofo, poeta e personal branding luso-brasileiro. Proprietário da agência de comunicação e mídia social MF Press Global, é também um correspondente e colaborador de várias revistas, sites de notícias e jornais de grande repercussão nacional e internacional. Atualmente detém o prêmio do jornalista que mais criou personagens na história da imprensa brasileira e internacional, reconhecido por grandes nomes do jornalismo em diversos países. Como filósofo criou um novo conceito que chamou de poemas-filosóficos para escolas do governo de Minas Gerais no Brasil. Lançou o livro ‘Viver Pode Não Ser Tão Ruim’ no Brasil, Angola, Espanha e Portugal.