Não faça de alguém a cura da sua decepção. A cura está dentro de ti.

Larissa Dias

Não faça de alguém a cura da sua decepção. A cura está dentro de ti.

Responsabilidade emocional. Um dos assuntos mais comentados na atualidade. Mas será que as pessoas realmente pensam no sentimento alheio antes de se envolverem?

Navegando as redes sociais, encontrei um vídeo da escritora Ivonete Rosa fazendo um apelo sobre ter responsabilidade emocional com os sentimentos dos outros. Após assistir o conteúdo, decidi compartilhar com vocês minha visão sobre isso.

Em meu texto anterior, falei sobre a importância de se permitir viver o luto de término de relacionamento. E hoje, vou aproveitar o ensejo para complementar o conteúdo.

No vídeo, Ivonete Rosa fala sobre a falta de sensibilidade das pessoas que se envolvem umas com as outras após um rompimento recente. Ou seja, almas machucadas que esperam encontrar no outro a cicatrização de suas feridas.

Pode ser que você já tenha ouvido falar que um amor cura o outro, no entanto, isso pra mim é utopia. Sabe porquê? Por que as pessoas que estão feridas não vão dar tudo de si, enquanto as pessoas que estão com suas feridas cicatrizadas, vão dar o melhor de si. E o resultado, você já sabe. A pessoa que não tem nada a ver com as feridas do outro e acaba pagando um preço alto pelas decepções alheias.

Pra quem não assistiu, no Netflix tem um filme chamado “Todas as razões pra esquecer”. O jovem Antônio interpretado por Johnny Massaro, é um jovem que acabou de terminar um relacionamento e tenta de várias formas esquecer sua ex.

Bebida, sexo, droga são algumas de suas armas, mas, ele descobre que se permitir viver o luto é uma forma de aceitar o que está vivendo. Antônio só conseguiu dar a volta por cima, quando entendeu que precisava fazer isso sozinho.

Não podemos acreditar que nossa cicatrização está no outro. A cicatrização de nossas feridas está em nós mesmos.

Nada melhor que deixar o tempo passar para que as coisas voltem a ser como eram.

Romper um relacionamento é uma das experiências mais dolorosas que um ser humano pode ter, mas se envolver pra esquecer alguém, é brincar com os sentimentos dos outros.

Não seja uma pessoa mal resolvida. Viva o momento sem prejudicar a vida de alguém. Ninguém é obrigado a ser a solução dos seus problemas. Busque a solução dentro de si.

*Foto de Jonas Weckschmied em Unsplash

-“É a capacidade de um indivíduo em possuir uma conduta sã num ambiente insano, ou seja, a capacidade do indivíduo sobrepor-se e construir-se positivamente frente às adversidades” __ Resiliência Humana.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS






COMENTÁRIOS




Larissa Dias
Estudante de jornalismo, radialista por amor, escritora nas horas vagas. Adora das boas risadas, costuma passar os domingos de pijama assistindo filmes e séries. Apesar de não curtir baladas, é incapaz de recusar uma rodinha de violão, e para pra cantar junto. Mesmo desafinada, garante que é simplicidade em pessoa.