Medicação contra o câncer é testada para covid e tem ótimos resultados

Resiliência Humana

Medicação contra o câncer é testada para covid e tem ótimos resultados: 80% dos pacientes melhoraram!

O remédio foi testado por pesquisadores norte-americanos e se chama acalabrutinibe! De acordo com a publicação da Science Immunology, da última sezta-feira,5, ela age como bloqueador da proteína tirosina quinase de Bruton (BTK) no tratamento de vários tipos de câncer no sangue e se mostrou eficiente em 80% dos pacientes com covid-19 que estavam hospitalizados e que participaram do estudo.

Os pesquisadores responsáveis pelo estudo são do Centro de Pesquisa do Câncer do Instituto Nacional do Câncer, nos Estados Unidos, e analisaram 19 pacientes, todos com baixos níveis de oxigênio no sangue e evidências de inflamação no organismo – 80 por cento apresentaram melhora.

O estudo

Dos 11 pacientes com quadros moderados da Covid-19 que receberam o remédio, oito (75%) voltaram a respirar sozinhos e receberam alta após menos de uma semana de tratamento.

Os 8 pacientes que restaram e que apresentavam quadros mais graves, também receberam o remédio, mas quatro (50%) conseguiram sair dos ventiladores, dois (25%) receberam alta hospitalar e, infelizmente, dois (25%) acabaram morrendo.

O efeito da droga

A BTK tem um papel importante no sistema imunológico. Ela influencia na produção de proteínas chamadas citocinas, que atuam como mensageiras químicas e ajudam a estimular e direcionar a resposta imune do corpo.

Em alguns pacientes com a Covid-19, uma grande quantidade de citocinas é liberada no corpo de uma só vez, fazendo com que o sistema imunológico tenha uma reação exagerada e prejudique o organismo ao invés de ajudá-lo.

medicacao-contra-o-cancer-e-testada-para-covid-com-otimos-resultados

Os pesquisadores testaram a eficácia da droga inibidora da BTK para tentar reduzir essa resposta imune hiperativa.

Novas pesquisas serão realizadas até que consigam a aprovação para o tratamento de covid-19 com essa droga.

Os especialistas ressaltam que, embora os inibidores da BTK sejam aprovados para tratar certos tipos de câncer, eles não são aprovados para combater o novo coronavírus. Os cientistas querem agora estimular novas pesquisas com a droga.

*DA REDAÇÃO RH. Com informações de Immunology Science, e Galileu.

*Imagens meramente ilustrativas.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS






COMENTÁRIOS




Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia