A jovem estudante brasileira da UFOP, criou uma garrafa capaz de tornar qualquer água potável, e venceu o torneio mundial de storytelling.

A tecnologia da brasileira Bárbara Paiva, venceu 443 equipes de todo o país, e cruzou fronteiras para disputar a tão esperada final com outras ideias de alunos de 44 países.

Bárbara Paiva, uma estudante de engenharia da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) desenvolveu uma ciência inovadora que a levou a final de uma competição mundial que premia projetos feitos por alunos de diversos países.

A final aconteceu em Istambul, na Turquia e Bárbara foi a grande vencedora do torneio de storytelling.

De acordo com informações da Mídia Ninja, Barbara venceu a etapa nacional com uma tecnologia que produz água esterilizada por meio da radiação, com filtro carregado a partir da luz solar, e o que deixou os jurados fascinados é que todo processo é feito sem nenhuma energia poluente.

O problema da falta de água potável é real

O Brasil, atualmente, possui cerca de 40 milhões de pessoas sem acesso à água potável. A inovação trazida pela estudante mineira promete promover um avanço social sem precedentes e levar dignidade à milhares de famílias que vivem em condição de vulnerabilidade.

Esse prêmio é uma prova de que o Brasil possui estudantes geniais, e que a única coisa que precisamos é de governantes que entendam a importancia de investir na ciência, sobretudo, em nossos cientistas, em nossas Universidades, e em nossos jovens.

Lutamos e cobramos pelo direito a educação e pela conscientização de que precisamos de mais Universidades públicas, que deem condições de ingresso aos jovens que estudaram em escolas públicas.

O jovem precisa ser valorizado e apoiado.

A meritocracia é uma invenção dos ricos para lubridiar os pobres. Não existe meritocracia quando as oportunidades são desiguais.

*DA REDAÇÃO RH.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia