Amigo filma o momento em que jovem conta ao pai que passou em medicina enquanto ele trabalhava na lavoura; vídeo emocionou a web

O jovem Sandro Lúcio Nascimento Rocha, de 21 anos, foi filmado indo até uma lavoura, onde seu pai trabalha, para contar que passou em medicina na Universidade Federal da Bahia. A família mora na cidade de Caculé, no sudoeste da Bahia.

Sandro é acompanhado de uma pessoa que filma tudo. Ainda emocionado com a notícia, o rapaz encontra o pai e recebe um ‘empurrãozinho’ que o leva até o abraço do trabalhador. Eles choram junto em meio à lavoura.

jovem-passou-em-medicina
Foto: Reprodução

O jovem foi o sexto colocado dentre sete vagas destinadas pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas.

Sandro escreveu uma carta de agradecimento em suas redes sociais:

“Oi, pessoal. Venho através desta publicação agradecer a cada um de vocês que, carinhosamente, tirou um tempinho para felicitar-me por mais uma conquista. Todas as palavras do mundo seriam insuficientes para expressar tamanha gratidão. Em primeiro lugar, a Deus eu dou graças. O apóstolo São Paulo diz que “Nele cremos, nos movemos e existimos”, portanto, sem a graça de Nosso Senhor Bom Deus, jamais teria persistido, pois Ele é a fonte de todas as coisas. Em segundo lugar, agradeço à minha família. Assim como uma casa precisa de uma alvenaria para erguer-se, um lar precisa de um grande homem e de uma grande mulher para suster-se moral e espiritualmente. Eu fui agraciado por ter uma família que, mesmo sem as melhores instruções do mundo, me incentivou a correr atrás dos meus sonhos. Enquanto meu pai, lavrador, labutava na roça, minha mãe segurava a barra nas tarefas domésticas; meu irmão, aos longo de seus 13 anos de idade, sendo o meu xodó e símbolo de irmandade.

Em terceiro lugar, agradeço aos meus caríssimos professores, tanto do ensino fundamental quanto do ensino médio. Todos, sem exceção. Eles que me ensinaram os macetes da educação com todas as limitações de materiais, ou até mesmo sem receber os seus salários; sempre amaram o que fazem, e têm um espaço no melhor lugar do meu coração. Em quarto, mas não menos importante, agradeço aos amigos e àqueles que nem mesmo tive a honra de conhecer, por cada frase de apoio e incentivo.
A única coisa que posso dizer é OBRIGADO, e o mínimo que posso fazer por retribuição é não decepcionar nenhuma das pessoas que se emocionaram com a minha história. Vou me dedicar na faculdade com todo o gás do mundo, pois lembrarei da força e do carinho que venho recebendo de vocês. Para finalizar, deixo aqui uma frase de Santo Agostinho de Hipona, e peço a todos que reflitam e tomem como incentivo”. escreveu o estudante.

Assista o vídeo que emocionou a internet:

*DA REDAÇÃO RH. Com informações de G1

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia