Jovem baiana é primeira brasileira a ganhar prêmio global da ONU sobre meio ambiente

Resiliência Humana

Jovem baiana é primeira brasileira a ganhar prêmio global da ONU sobre meio ambiente!

Ela nasceu em Salvador, tem apenas 21 anos foi um dos destaques de um baile de gala que aconteceu no dia 26 de setembro, em Nova York.

Na ocasião, Anna Luisa Beserra foi premiada pela ONU por causa da criação de um dispositivo, o Aqualuz, que foi acoplado em fase de testes a cisternas da região do semi-árido do nordeste brasileiro e já garante acesso a água limpa para 265 pessoas.

Anna Luisa garante que a metodologia é muito fácil e viável e que, até o final do ano, 700 pessoas já terão sido beneficiadas.

Beserra começou a desenvolver a tecnologia aos 15 anos, em 2013, depois de ganhar uma bolsa para jovens cientistas oferecida pelo CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico), do governo federal.

A tecnologia

Por meio da tecnologia, a filtragem ocorre por etapas.

Primeiro, a água é bombeada da cisterna até a caixa, por meio de um encanamento, passando por um filtro ecológico que é feito de sisal;

O filtro ecológico retém partículas sólidas;

Depois, já com a água armazenada na caixa de inox, ocorre a desinfecção, em que o líquido é exposto à radiação solar para eliminação dos micro-organismos patogênicos. A alta temperatura na caixa ajuda a eliminar impurezas.

Por fim, um dispositivo acoplado à caixa muda de cor e alerta quando a água pode ser retirada da caixa, já pronta para o consumo, por meio de uma torneira.

Parabenizamos a todos que acreditam na importância do incentivo a ciência no nosso Brasil!

*Via AloAloBahia

*Foto Capa: BBC

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia