Homem escreve SOS na neve e é resgatado após 3 semanas no Alaska: vídeo

Resiliência Humana

Ele escreveu SOS na neve, e foi resgatado após passar mais de 3 semanas de fome e frio no Alaska, noroeste dos EUA.

A cabana em que ele estava pegou fogo e foi coberta pela neve. Na última quinta, 9, patrulheiros estaduais sobrevoaram a região que viram um SOS gigante escavado.

Tyson Steele, de 30 anos, foi encontrado em um abrigo improvisado. O local fica a 32 km de Skwentna, a cidade mais próxima do local do resgate.

“Steele estava com o cabelo castanho muito comprido, aloirado nas pontas e todo emaranhado no pescoço. Sua barba, sem corte, chegava até seu peito”, escreveu o policial Ken Marsh num registro sobre o resgate. Segundo o oficial, Steele lhe lembrou o personagem de Tom Hanks no filme “Náufrago”.

A história

Steele estava morando sozinho na cabana desde setembro.

Ele contou aos policiais que o acidente aconteceu enquanto ele queimava um pedaço de papelão no dia 17, ou 18 de dezembro.

De repente uma faísca atingiu o telhado do barraco, que foi destruído rapidamente pelas chamas.

Sozinho

O sobrevivente conseguiu retirar alguns suprimentos da cabine, mas não salvou muita coisa. Entre as perdas, estavam seu cão, Phil, de seis anos, o telefone dele, os calçados para andar na neve e os mapas da região.

“Ele não tinha máquina para andar na neve e seu vizinho mais próximo estava há mais de 30 km”, relatou o policial Marsh em seu relatório.

“A única forma de encontrá-lo seria por meio de um resgate aéreo”, anotou.

No inverno do Alaska ele só dispunha de 6 horas de luz natural para fazer essas atividades. A lanterna que dispunha durou apenas 10 dias.

Abrigo no gelo

Steele escavou seu primeiro abrigo na neve. Dois dias depois, construiu um barraco improvisado com o que sobrou de sua cabana.

Com lenha, ele esquentava o estoque de comida que dispunha.

“Sou alérgico a abacaxi, mas comi mesmo assim porque era o que eu tinha pra comer”, Steele contou à Fox, que sua esperança era que alguém desse por sua falta depois de ficarem vários dias sem notícias dele.

“Foi realmente muito difícil, quase que todos os dias, especialmente nas noites realmente frias”, contou Steele.

O primeiro pedido do sobrevivente foi por um banho quente e comida.

Assista o resgate disponibilizado pela equipe da CBSNews em seu canal no Youtube.

*Tradução SNB.
*Com informações da CBSNews e USAToday

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS






COMENTÁRIOS




Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia