FASCINANTE É O ENCONTRO CONSIGO…É quando sua alma se acalma, o corpo está em paz, a mente tranquila e tudo ao redor fica sereno.

Carol Daimond

Fascinante é o encontro consigo.

Aquele em que você se olha tão profundamente que consegue enxergar o invisível.

É quando sua alma se acalma, o corpo está em paz, a mente tranquila e tudo ao redor fica sereno.

Muitas vezes andamos longe, andamos em círculo, procuramos no outro, andamos mais longe ainda, até que um dia cai uma fichinha pequena: ‘plim’!! ( depois de muito quebrar a cabeça, ler livros, fazer terapia) e você começa a entender que o que busca está mais perto do que pode imaginar.Então você começa a procurar bem perto, bem dentro, e tcharam…


Encontra uma pessoa com mil qualidades e defeitos que está com você desde o primeiro “abrir de olhos” e aí começa uma linda história de amor. Você começa realmente a entender o que para VOCÊ faz sentido e vale a pena, e vai a luta…

Desse encontro nascem as descobertas, o que você realmente ama, o que não gosta, qual corte de cabelo, qual estilo de música e comida preferida.

E aí você afirma: “claro que eu sei a minha comida preferida” se você sabe mesmo, tem certeza que essa é a sua comida preferida e não aquela que sua amiga apresentou na primeira viagem pro exterior, se você tem certeza que gosta do seu cabelo longo e não tem a mínima influência do seu namorado que acha que fica linda de cabelo longo, se você ama vestir azul por que é a sua cor preferida e não por que sua namorada disse que essa cor cai bem em você, então só posso te dizer você já está no caminho certo.

O encontro começou a acontecer, aproveite!

***


Um presente de Fernando Sabino:

“De Tudo Ficam Três Coisas:

A certeza de estarmos sempre começando
A certeza de que é preciso continuar
E a certeza de que podemos ser
Interrompidos antes de terminarmos.

Portanto:

Fazer da interrupção um caminho novo,
Da queda um passo de dança,
Do medo uma escada,
Do sonho uma ponte,
Da procura um encontro.”

(Fernando Sabino – O Encontro Marcado)

É maravilhoso olhar-se no espelho e reconhecer suas melhores formas, aqueles contornos que ninguém vê, pelo menos a primeira vista, os contornos do seu eu.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Carol Daimond
Carol Daimond, mineira de Divinópolis, bacharel em Direito e apaixonada pelas palavras entrelaçadas, mãe, mulher e terapeuta thetahealer, uma mistura de mulher que a cada dia se reinventa em busca da sua melhor entrega em partilha para o mundo. Sua jornada como escritora começou de brincadeira e tem se tornado cada dia mais a sua marca pessoal de verdade e essência.

COMENTÁRIOS