Está tudo bem se apaixonar pela ilusão do que o amor poderia ter sido!

Não há nada do que se envergonhar.

Na verdade, não há nada de mais amar o potencial de alguém, mesmo que esse potencial não se torne verdade, não há nada que deva justificar vergonha ou constrangimento. Você amou alguém com um amor que era maior do que o amor, e isso se estendia até mesmo ao seu futuro eu. Você foi capaz de colocar seu coração em sua manga, e você o usou com bravura.

As pessoas podem dizer que você é ingênuo, mas eu chamo isso de coragem.

A irônica e pior parte de amar as pessoas olhando apenas as suas qualidades é que elas não veem a beleza de tudo isso – você não vê quem elas podem se tornar além das qualidades.

Você não pode ver as experiências que os moldaram ou seu possível crescimento, simplesmente os julga com base na pessoa que são agora.

Você perde completamente as melhores partes de sua personalidade ou caráter, sua disposição de mudar e desenvolver suas crenças e valores centrais internos.

As pessoas não estão estagnadas e imutáveis. As pessoas florescem o tempo todo, e crescerão para se tornarem pessoas com as quais possam ficar satisfeitas.

Amar alguém pelo que ele é pode ser arriscado porque você está apostando em algo que ainda não pode ver ou tocar. Você está colocando esperança e todas as suas fichas na mesma cesta em uma pessoa que pode ou não mudar, e se isso não for corajoso, eu não sei o que é.

Estar apaixonado pelo potencial que alguém pode ter envolve cair, e quando você faz isso, você prova que não tem medo de altura.

Você saltou sem nem mesmo pensar se havia uma rede de segurança por baixo. Em vez de avaliar meticulosamente os riscos e recompensas potenciais ou criar listas de prós e contras em sua cabeça, você foi capaz de dar um salto cego de fé.

Você foi capaz de ver as qualidades boas e positivas de alguém e ainda decidiu acreditar no que ela tem de melhor. Por sua própria vontade, você escolheu ver que essa pessoa poderia ser ainda melhor.

A verdade é que apaixonar-se pelo potencial do amor do outro testa nossa capacidade de nos conectarmos e nos relacionarmos com verdade, bem como de ver se somos capazes de colocar fé e confiança nos outros.

As pessoas são seres multidimensionais, com aspectos bons e ruins, e amar o potencial de uma pessoa significa que você estava disposto a ver além de suas qualidades negativas para confiar que elas poderiam ser melhores.

Mas às vezes, você acredita mais na pessoa do que ela mesma.

Se você se apaixonou pelo potencial de alguém e esse amor não se confirmou, não há nada de errado com você, e está longe de ser uma falha sua.

Você foi capaz de ver o melhor em alguém, querendo que fosse a versão mais feliz de si mesmo. E isso diz muito sobre você, diz que você tem o poder de focar no que existe de bom no mundo e nos outros, não perca isso!

Está tudo bem se você se apaixonou pela ilusão do que o amor poderia ter sido! O importante é se fortalecer diante da sua própria capacidade de amar.

A ilusão do amor recíproco um dia se tornará realidade!

*DA REDAÇÃO RH. Com informações TC. Foto de Brooke Cagle no Unsplash

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia