Esse texto é para você, guarde-o com carinho

Guilherme Moreira Junior

Deixa eu te confessar uma coisa, às vezes eu também fico perdido. Às vezes eu também não sei pra onde a vida vai me levar e tampouco se vou conseguir realizar todas as coisas que planejo. Às vezes eu também acordo desacreditado das pessoas e dos sentimentos. Às vezes eu até duvido se vale ou não a pena continuar nessa gangorra por dias melhores. Eu te entendo, de verdade. Mas isso passa.

Então, para que você não pense que esse é apenas mais um texto que diz sobre o que deve ou não fazer da sua vida, não se preocupe… não é esse tipo de texto. Aqui, deixo palavras para você guardar com carinho. Para que você leia uma, duas, três, quantas vezes for preciso. Não porque você precisa memorizá-lo, mas porque é importante que você o sinta, todos os dias, e em todos os momentos difíceis, principalmente.

Eu sei que quando a gente se sente perdido, a gente se esquece de olhar e cuidar da gente. De reparar nas nossas camadas, de perceber quais são as nossas prioridades, de cultivar quais são os entrelaces que temos interesse. A gente também se esquece de admirar as coisas boas que já conquistamos, de agradecer pelas experiências vividas e, por que não, também por instantes ainda não experimentados? Faz parte da nossa essência imaginar. E não tem nada mais saboroso do que imaginar algo bom, algo real pra gente.

Ainda assim, mesmo sem querer, pensamentos ruins te invadem vez ou outra. Pensamentos que te colocam para baixo e que te tiram o fôlego e a vontade de construir laços melhores. Acontece que você não pode desistir, não de você.

Você pode parar de insistir naquilo que quiser, mas nunca do seu brilho. Você não tem a obrigação de superar ninguém, mas você pode se transformar em mais amor para si. Você pode evoluir, você pode se desconstruir e recomeçar como e quando quiser.

Como eu disse, esse não é mais um texto para te dizer a verdade sobre o mundo ou para te revelar grandes segredos. Tudo isso é para dizer ao seu coração que você é o seu próprio acolhimento. E é o suficiente por agora. Um despertar de cada vez e alguma coisa pode mudar. Ame-se na sua solidão antes de querer somar na companhia de alguém.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Guilherme Moreira Junior
"cidadão do mundo com raízes no rio de janeiro"

COMENTÁRIOS