O que acontece muito entre os casais é terminar a relação por causa de ciúmes dos relacionamentos passados. Para alguns, terminar é mais fácil, do que compreender que a pessoa não nasceu no momento que ele a conheceu, ela tem uma história.

Infelizmente, vivemos em um mundo onde as pessoas preferem terminar o relacionamento do que acolher as diferenças e resolver os conflitos de interesse.

Um usuário do grupo Reddit, passou por isso, recentemente e, pelo jeito, não sabe se fez certe em terminar com a namorada por causa do antigo relacionamento dela. Ele perguntou se ele errou em terminar e recebeu alguns conselhos, veja só a história que ele contou:

“Eu comecei a namorar com ela a um ano e desde o começo ja sabia que ela não era virgem, e pra ser bem sincero nunca me importei com isso por mais que eu fosse, ainda seja e talvez vou continuar sendo pelo resto da vida.

Ela me avisou isso no segundo encontro e eu reagi da mesma maneira que eu sempre reagi com qualquer coisa relacionada a minha vida, só perguntando:

“Em quanto tempo de relação aconteceu isso?”.

E ela respondeu que demorou um ano de namoro quando ela ainda tinha 16 (hj ela tem 18 e eu 17) e tambem disse que depois de mais alguns meses ela terminou aquela relação pq n gostava mais do cara q ja tava ficando possessivo e surtado.

A partir dai eu segui o namoro com a maior alegria possivel já que eu amo ela, mesmo, nesse exato momento que eu to fazendo esse post depois de terminar essa relação, e posso dizer com toda certeza que, foi o melhor ano da minha vida e, que, eu não podia ter passado ele melhor acompanhado mas, que desde o começo aquilo que ela disse, martelou sim, na minha cabeça.

Tempo vai tempo vem e quando me dei conta já tinham sido 10 meses de relação, a gente falava sobre passar a vida inteira juntos, botamos até nome nos filhos que nem existiam (e nem vão existir) e eu não tinha tentado nada.

Depois disso eu comecei a pensar mais nisso em proporções q eu nunca tinha pensado, e com isso comecei a tentar mais fazer essas coisas, afinal, na minha cabeça só se passavam coisas como:

“Se o relacionamento com o outro tava horrivel e ainda assim ela quis fazer com ele eu devo estar sendo muito vegetal por n tentar nada” ou “Será que eu posso tentar dar esse passo a mais no nosso relacionamento?”.

E essas coisas ecoaram na minha cabeça muito.

Depois de planejar muito chegou o dia perfeito pro ato, tudo no devido lugar ja que, não tinha ninguem aqui em casa, a gente tava vendo filme na minha cama, eu ja tinha preparado o preservativo debaixo do travesseiro para não ter q levantar dali.

E realmente foi tudo perfeito, exceto pelo fato de que, quando eu fui colocar o preservativo ela disse que ainda não era a hora pra fazer aquilo.

Foi frustrante pra mim e eu ja tava aceitando que não ia dar mas mesmo assim não sei o que deu em mim e eu lancei uma única pergunta que fez ela dar uma resposta que me fez ficar meio magoado:

“Por que vc não quer fazer, amor?”, “Eu te amo mas, não vou fazer contigo, só faz quase um ano que a gente namora, ela respondeu.”

Eu fiquei magoado e pensativo porque eu sou do tipo de pessoa que tenta uma vez e se não da certo eu não vou tentar de novo até a pessoa deixar claro que quer, então eu esperei os 2 meses restantes que a gente namorou com uma leve esperança de que ainda faria, sem sucesso.

Depois de tudo eu fiquei com vários pensamentos na cabeça, todos envolvendo o fato de que ela disse que o relacionamento antigo dela era toxico e por isso ela não queria mais.

A minha magoa só aumentou e os pensamentos só aumentaram:”se ela não gostava dele e ainda fez porque ela não quer nada assim comigo mesmo dizendo que me ama?”, “será que eu não sou tão bom quanto ele?”, “Será que ela não sente a mesma coisa por mim?”.

Eu fiquei realmente mal por não chegar nessa intimidade que eu queria e que o outro chegou em um tempo menor que eu, mesmo sendo um babaca (ouvi várias histórias que ela contou sobre o relacionamento dela, então to afirmando isso).

Eu não sinto que to sendo amado na mesma proporção que eu amo e agora nem na mesma que ela amava o ex dela e por isso, terminei a umas duas semanas, o relacionamento antes de a gente fazer, já que eu não quero abandonar ela depois de transar, pra não deixar um possivel relacionamento que ela tenha no futuro, com o mesmo receio que eu.

E a uma semana atrás a mãe e o pai dela vieram na minha casa pra me cobrar o porque do término já que, supostamente, por causa de mim, ela estava trancada no quarto, chorando, desde o dia em que acabou.

O pai dela é meio das antigas, então não queria explicar o motivo pra ele, já que ele não sabe que a filha não é virgem e também porque eu prometi que não falaria pra ninguem que ela não tivesse contado, então disse claramente que falaria só com a minha ex sogra e, pedi pra ela não tirar do quarto qualquer informação que eu soltasse, aí eu sentei, respirei fundo e expliquei a situação.

Quando terminei ela só fez o basico. Basico = me chamar de babaca e dizer que eu só queria namorar a filha dela pra fazer sexo.

Depois que ela saiu eu fiquei me sentindo mal já que até a hora eu não tinha contado o motivo pra ninguem e fiquei imaginando que os outros fossem pensar a mesma coisa de mim.

Mas não foi a pior parte já que ela contou pra minha ex mesmo depois de dizer pra mim que não iria contar e, agora, graças a isso, ela ta desesperada e tá se culpando demais, já que ela tem passado os últimos dias, me mandando nude, dizendo que agora quer transar comigo, o que eu não consigo fazer por todo o lance de não sentir que ela me ama, naquela proporção e, que, se ela fizesse isso, seria só pra reatar a relação ou por pena sei lá.

E quando não tá fazendo isso, ela ta mandando audios chorando, me pedindo pra voltar, às vezes, com umas chantagens emocionaism que eu não consigo nem dormir bem depois de ouvir.

Eu realmente amo ela e quero muito voltar mas, cada vez que penso sobre… as mesmas coisas voltam na minha cabeça e me sinto cada vez pior, não acho que vou conseguir dar pra trás e reatar esse relacionamento. EU NÃO FAÇO IDEIA DO QUE FAZER ME AJUDEM POR FAVOR!”

É, amor de adolescente sempre vem com essa carga emocional de imaturidade e é assim que começam os traumas emocionais que carregamos para a vida adulta. Essa menina já experimenta a sensação de ser um mero objeto sexual para os homens, de que seus sentimentos não importam, o que importa para eles é apenas o ato.

Os úsuários comentáram o depoimento dizendo:

“Era para ter conversado antes de terminar, e não jogar tudo pro ralo assim. Diálogo, amigo. Diálogo é a chave da solução de grande parte dos problemas da humanidade”, escreveu um usuário.

Um outro comentário pegou bem forte no julgamento:

“sim, vc errou. Não respeitou o tempo dela, pôs vontades egoistas acima de tudo, fez ela se sentir culpada… tem muita coisa aí que é erro seu. Ela não querer fazer sexo não é sinônimo de não te amar. o motivo pra isso pode ser um receio ou até msm um trauma desse primeiro relacionamento aí, que ela mencionou ser tóxico. ela era muito jovem quando perdeu a virgindade e só ela sabe como foi isso.

Meu melhor conselho pra vc é não voltar pra ela e tratar essas questões. Se perguntar pq isso é tão importante agora, praticar empatia e desconstruir essa ideia de que sexo = amor. Irmão, no final o cara com quem ela fez era um babaca e ela não gosta dele, e vc, que ela não fez, tem tanto o amor dela que ela tá sendo capaz de fazer algo aparentemente desconfortável só pra vc voltar pra ela. Pensa bem sobre isso.

Ah, e obviamente se desculpe. Tenha uma conversa franca sobre tudo que rolou”, detonou.

O que vocês pensam sobre isso? Terminar é a melhor solução? Pelo jeito ele não quis voltar com ela, mesmo ela tentando muito.

Ele finalizou a conversa escrevendo para todos do grupo:

“Conversei com ela hoje inclusive e expliquei tudo e também que eu não iria reatar a relação.
Não sei se ela aceitou bem ou não, já que ela desligou na minha cara. Pode estar sendo dolorido pra ela e garanto que pra mim também não tá facil e nem vai ser durante muito tempo, mas eu tenho certeza que postar isso aqui foi a melhor decisão que eu tive hoje, já que todas as pessoas próximas a mim, que souberam do caso, não querem mais sequer falar comigo, embora aqui todos tenham dado apoio. Vou seguir na luta sozinho, mas pra mim, isso ja é melhor do que passar as noites sem dormir sendo atormentado por algo que não aconteceu. Obrigado pelo apoio”.

Pelo jeito, ele não vai conseguir levar essa situação de uma forma madura. Terminar é mais fácil do que compreender o outro. Uns aninhos a mais servirão para ele entender onde errou com essa menina, não acha?

*DA REDAÇÃO RH.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia