E SE EU NÃO SEI O QUE QUERO DA VIDA?

Resiliência Humana

Tomar decisões na vida é algo muito difícil.

“O calor do momento sempre irá te dar a resposta errada.”

Will Smith

É muito importante saber o que se quer da vida, de modo que essa visão se torne um filtro que te ajude a tomar decisões. Até aí tudo bem. O problema é que descobrir o que realmente se quer da vida é uma jornada, pode levar meses, anos. E, enquanto você não descobre o que realmente quer, o que você faz?

Imagina comigo: daqui a 15 anos, você tem uma epifania e descobre o que você quer fazer de verdade. Aquilo que te deixa excitado e que te move a continuar. Que te faz levantar da cama em um salto, mesmo num dia chuvoso.Certo, do que você vai precisar? Recursos, habilidades e bons hábitos.

Não importa o que você decida fazer com o resto da sua vida, seja construir orfanatos na África, criar a maior empresa de investimentos de Wall Street ou ajudar a combater o aquecimento global no Alasca: você vai precisar dessas três coisas.

Recursos
De que tipo de recurso estamos falando? Dinheiro, contatos e um bom time.Claro, dinheiro é importante sempre que você quer começar coisas. É a força motriz inicial.Os contatos, bem, desnecessário comentar, certo? E um bom time te ajudará a construir coisas. Pessoas com habilidades complementares a sua em quem você pode confiar.

Habilidades
Conhecimento. Tudo e de todo tipo. Saber história, ciência, artes, política, governança, finanças, marketing, gerenciamento de pessoas… bem, quanto mais habilidades de usos universal você tiver e de modo mais diversificado, melhor será sua visão de mundo.

Bons hábitos
Aqui eu menciono auto-disciplina. Essencial. Não adianta querer mudar o mundo, se você não consegue parar de perder tempo com bobagem na internet. Ou não se alimenta bem. Ou não faz atividades físicas. Ou procrastina.

Sebastian Marshall, um dos meus mentores, mencionou isso em seu livro, Ikigai:

“É totalmente normal e não uma coisa ruim não saber o que você está fazendo. Apenas, comece a construir de todo modo, com a expectativa que você vai descobrir. Você vai descobrir. E uma vez que você descobrir, você ficará feliz por ter construído recursos, ter adquirido habilidades, ter se conectado com gente do bem e ter feito coisas boas.”

Então, a partir de agora, sabendo ou não o que quer da vida, comece a trabalhar nesse sentido. Construa bons hábitos, desenvolva habilidades e crie recurso. No meio do caminho, ajude o máximo de pessoas possível, desprentensiosamente. Sério, faça o que tive no seu alcance para ajudar pessoas e faça amigos.

Seu eu do futuro e a humanidade agradecem.

FONTEEstrategistas
COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia

COMENTÁRIOS