É o amor que muda tudo. Amem sem medo, sem “mas”, sem vírgulas!

Kassia Luana

É o amor que muda tudo. Amem sem medo, sem “mas”, sem vírgulas!

Em muitas situações, quando não estamos emocionalmente envolvidos, não conseguimos mensurar sua profundidade. Esse é um dos motivos pelos quais não devemos julgar as ações e emoções das pessoas.

Vi a matéria, por exemplo, de um pai que “perdeu” a filha de 9 anos para o câncer. E, por mais que eu tentasse imaginar o que aquele pai estava sentindo, por mais que me compadecesse de sua dor, sei que não conseguiria chegar nem perto de saber. Mesmo pra mim, que já perdi um filho também.

Quantas vezes olhamos casais que “normalmente” seriam impossíveis de dar certo, e dão?

Quantas vezes vemos uma casa simples, mas tão bem cuidada, aconchegante, que não dá vontade de sair?

Quantos profissionais, com muitos cursos não conseguem se dar bem na profissão e um, sem nenhum preparo técnico, é fortemente procurado pelos clientes?

É o amor. O amor muda tudo.

A forma de se relacionar, de viver, de ver as outras pessoas.

É o amor que faz você ser um bom profissional e um sucesso em tudo que faz. É o amor que faz você se conectar profundamente com pessoas boas.

O amor move o mundo. É energia criativa.

Sem amor, as coisas não tem sentido, cheiro, cor.

Com amor, os atos mais simples se tornam grandes, importantes. Com amor temos sucesso, alegria, entendimento, responsabilidade com o outro.

É por isso que a comida da vovó é a melhor do mundo. E o beijo na testa dado por um filho é tão especial. E o abraço de um caro amigo se torna valoroso. E uma rosa dada pelo companheiro tem mais cheiro e valor que qualquer outra no mundo.

E não precisamos aprender sobre amor. Já nascemos com ele e somos feitos dele. É preciso, apenas, perder o medo e se abrir.

Fomos educados para ter medo do que deveria ser natural para nós: Amar!

Amem sem medo, sem “mas”, sem vírgulas!

Só o amor pode mudar o mundo!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Kassia Luana
escritora, promotora de vendas e divulgadora Seicho No Ie (SNI). Apaixonada pela vida, acredito na auto cura, na gratidão e amor ao próximo.