Diferenças entre estar apaixonado e amar alguém

Resiliência Humana

Quando você passa do estágio de se apaixonar, você tem que aprender a amar. Tem que deixar de lado a sensação de estar em uma nuvem e viver com emoções menos fortes.

De Candela Duato

Levei muito tempo para aprender a diferença entre estar apaixonado por alguém e realmente amar aquela pessoa. E aprendi da maneira mais difícil.

Houveram corações partidos repetidamente durante anos. Embora eu gostaria de não sofrer tanto, as experiências que aprendi me ensinaram mais do que qualquer outra coisa.

Eu cresci com contos de fadas e histórias de amor que me ensinaram a acreditar que se apaixonar e amar alguém eram a mesma coisa. Mas isso não poderia estar mais longe da realidade.

Estar apaixonado por alguém e realmente amar essa pessoa são duas coisas completamente diferentes.

Ser capaz de aplicar esse conhecimento em seus próprios relacionamentos é a chave para construir um relacionamento que perdure com o tempo.

Aqui nós mostramos algumas diferenças entre estar apaixonado e amar alguém:

Quando você está apaixonado por alguém, você quer ter essa pessoa. Quando você ama alguém, você precisa dessa pessoa.

Estar apaixonado significa querer fazer parte da outra pessoa. É acreditar que essa pessoa é tão maravilhosa que você quer que ela faça parte de sua vida. Parte de você. Quando você se apaixona por alguém, sente uma necessidade intensa de passar tempo com essa pessoa.

Estar apaixonado é acreditar que você precisa de alguém para ser feliz.

Você não quer tê-lo, ou melhor, não é o suficiente para você tê-lo. Você precisa dessa pessoa para viver uma vida feliz e saudável. Sua felicidade, literalmente, depende disso.

Você precisa esta pessoa para fazer parte de sua vida, de uma forma ou de outra, não porque você quer possuir parte deste ser humano, mas porque eles querem dar-lhe uma parte de si mesmo para amar alguém é sentir que eles valem tanto quanto para entregar parte de você.

Não se trata de apropriação, trata-se de querer o melhor para essa pessoa: algo que, às vezes, envolve deixá-los ir.

Quando você está apaixonado por alguém, suas emoções são sempre 100%. Quando você ama alguém, os sentimentos vêm e vão.

Você se sente como se estivesse flutuando em uma nuvem. Você se sente assim apenas por estar apaixonado por essa pessoa, e é um sentimento que você não quer deixar ir.

Ninguém quer parar de sentir algo assim, e esse é o problema: chega uma hora em que você sai da nuvem.

Amar alguém não é tanto sobre emoções, tem mais a ver com pensamentos.

Pense em alguém, deseje o melhor para ele, faça o que puder para deixá-lo feliz e se preocupe com ele, tanto ou mais do que se importa consigo mesmo: isso é amor. As emoções que acompanham o processo são benefícios adicionais.

Uma vez que você passe do estágio de simplesmente estar apaixonado por alguém para começar a amá- lo , você tem que aprender a deixar essa sensação de estar em uma nuvem e aprender a viver com emoções menos estridentes.

Quando você está apaixonado por alguém, você pensa que se importa com essa pessoa mais do que ela realmente é.

Quando você ama alguém, você se importa com essa pessoa mais do que imagina.

Apaixonar-se é muito mais fácil do que amar. Quando você está apaixonado, as substâncias químicas presentes no cérebro e no corpo fazem com que você se sinta como se essa pessoa fosse a melhor pessoa do mundo. Você acredita que este ser humano é a pessoa mais incrível que você já conheceu. Infelizmente, esse modo de pensar termina quando ela acaba.

É fácil reconhecer quando você está apaixonado porque isso faz com que você se sinta uma necessidade constante. Por outro lado, amar não lhe dá lembretes constantes.

Quando você realmente ama alguém, esses momentos de separação e perda sobrecarregam você com emoção. Muitas vezes as pessoas esquecem o quanto amam alguém, ou às vezes não percebem, até que a vida as obrigue a lembrar.

Quando você está apaixonado, a paixão pode esfriar. Quando você ama alguém, você nunca para de amá-lo.

Se você pode se apaixonar por alguém, então saiba que você pode, com a mesma facilidade, se apaixonar por essa pessoa.

Estar apaixonado, e tudo o que está relacionado ao amor romântico, é principalmente o resultado do que nossa mente elabora.

Nós nos permitimos apaixonar-se vendo o indivíduo e a relação de uma maneira romântica. Quando você está apaixonado, a realidade nem sempre é igual ao que você vê.

Amar alguém é algo que define você: defina quem você é. Aqueles que nunca nos deixam são as pessoas que amamos.

Eles podem sair ou sair devido a outras razões da nossa vida, mas nunca saem da nossa mente. Sua memória provoca fortes emoções. Sua presença em nossas vidas tem uma influência tão importante em nós que, por causa deles, somos pessoas diferentes.

Quando você ama alguém, você não pode deixar de amar essa pessoa, pois isso exigiria que você parasse de amar uma parte de si mesmo.

E você, você ama essa pessoa ou está apaixonado por ela?

***

**Com informações de UPSOCL. Livremente adaptado e traduzido por: Resiliência Humana

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS







COMENTÁRIOS




Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia