Dê o seu amor a quem sempre vai te escolher, aconteça o que acontecer!

Não adianta forçar uma relação que não existe. Você não precisa convencer alguém a te amar. O amor precisa acontecer naturalmente, não pode ser difícil ou causar um sentimento de insegurança…

É tão frustrante ter que conviver com a paranóia da traição, ficar angustiada(o) pensando se o outro vai te escolher ou vai buscar satisfazer as suas necessidades com outra pessoa…

Você não pode mais se contentar com um amor que só você sente, você não pode mais se entregar a relacionamentos medíocres…

Você já sofreu nas mãos dos tóxicos, agora, você merece um amor medicianal, que com um toque, traz alívio para as suas dores.

Mas antes de encontrar esse amor no outro, você precisa buscar esse amor curativo em você. Você precisa se escolher primeiro, se colocar em um pedestal e se amar com muita profundidade.

Você precisa analisar o que faz com que você escolha pessoas indisponíveis, ou que não sabem e não podem te amar como você merece!

Pense honestamente sobre isso e busque os motivos que te fazem confiar em quem não merece o mínimmo de confiança.

Será medo de ficar sozinha(o)? Será uma projeção do tipo de relacionamento que os seus pais tiveram? Será alguma lealdade que você tem, inconsciente, por algum antepassado?

Será que são as crenças negativas que você alimenta sobre o que é o amor?

Mesmo que você tenha dito sim para todas, ou apenas para um das questões a cima, o fato é que nada disso justifica você continuar escolhendo alguém que não te escolheu.

Está na hora de deixar ir quem nunca te deu valor, muito menos, agrega valor a sua vida.

Coisas maravilhosas acontecem quando você percebe que merece algo melhor.

Quem sabe o seu valor, não tolera maus-tratos!

Quer atrair pessoas boas? Comece a acreditar que você merece ser tratada(o) com gentileza e respeito.

“Se você não consegue lidar comigo no meu pior, então você com certeza não merece o meu melhor.” Marilyn Monroe.

Quem sabe o seu valor prefere ficar sozinho do que mal acompanhado. E ao se sentir feliz sozinho, começa a atrair pessoas infinitamente melhores e, é aí que, os relacionamentos saudáveis aparecem!

É quando você passa a se dar valor que você se abre para o amor verdadeiro. É quando você valida quem você é que você se conecta com pessoas que querem te amar, assim, como você é.

É quando você, finalmente, encontra o amor próprio que você está pronta(o) para escolher quem vai te escolher também, aconteça o que acontecer.

O amor-próprio traz uma profunda sensação de segurança, você se sente completo (a), e quer compartilhar toda essa completude com os outros. A sua vida ganha um novo significado e você se sente mais atraente, e realmente está.

Você começa a enxergar claramente que, o verdadeiro amor é gentil e solidário, e passa a descartar aqueles que só querem se aventurar, te usar e depois te abandonar.

Pare de entregar o seu coração nas mãos de quem não te escolheu também. Você só terá o amor que você acreditar que merece. Portanto, pare de se contentar com tão pouco.

Se você precisa de ajuda para encontrar o amor-próprio, me chame no direct @rhamuche e agende uma consulta insdividual. Chega de sofrer por amor!

*DA REDAÇÃO RH. Texto de Robson Hamuche, idealizador do Resiliência Humana, terapeuta transpessoal e Constelador Familiar. Foto de Jonathan Borba no Unsplash.

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

RECOMENDAMOS









Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia