Bar está deixando bilhetes de agradecimento com hambúrguer e fritas nos carros de clientes que escolhem não beber e dirigir

Resiliência Humana

A carta também inclui batatas fritas 🍟e um hambúrguer 🍔como presente. E o dono diz: “É melhor dar uma refeição de 7 dólares, do que perder uma vida❤”

Estatísticas e fatos nos mostraram ao longo dos anos que o álcool e a roda não são bons amigos. Há muitas mortes que ocorreram por alguém dirigindo embriagados, muitas vidas que foram perdidas nas mãos do irresponsáveis.

Cientes disso, os bares estão tentando fazer sua parte para não se sentirem completamente culpados quando algo desse tipo acontece, eles estão recompensando seus clientes quando tomam a sábia decisão de não sair em más condições.

Para aqueles que pedem um táxi ou alguém para levá-los e deixar seus veículos, o Union Bar of Nebraska (Estados Unidos) tem um presente. Ao contrário de alguns estabelecimentos que ficam chateados que deixem o carro em seu estacionamento, eles oferecem uma nota de agradecimento com hambúrguer e batata frita.

Uma mulher e seu marido passaram por eles e decidiram compartilhar sua experiência agradável com todos no Facebook. No caso, foi o cavalheiro (Martin) que decidiu ligar para Janelle (sua esposa) para ajudá-lo, graças a sua decisão bem-sucedida no dia seguinte, quando estava procurando por seu veículo, ganhou um educado bilhete com hambúrguer e batatas fritas.


Facebook: Janelle Martin

“É apenas um hambúrguer de US $ 7, e se ele mantém alguém fora da prisão ou o impede de matar alguém, vale a pena”

Scott Swanson proprietário da União para o World-Herald

E aparentemente o plano funciona, há vários carros que ficam à noite no estabelecimento e vão procurá-los no dia seguinte.

A Mack’s Tavern em Ohio também está fazendo exatamente como o Original Joe’s Restaurant & Bar no Canadá. Iniciativas que devem ser copiadas.

**Tradução e adaptação Redação Resiliência Humana. Com informações de UPSOCL

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS







COMENTÁRIOS




Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia