ARTISTA ISOLOU-SE POR ANOS PARA CRIAR UM SANTUÁRIO DE ESTÁTUAS SAGRADAS

Resiliência Humana

William Ricketts (1898-1993) era um oleiro e escultor autodidata que tinha uma ligação pessoal com os povos aborígines do continente australiano. Ele nasceu no subúrbio de Richmond, Victoria, mas freqüentemente fazia viagens para viver entre os Pitjantjatjara e Arrernte, povoados da Austrália central. Quando mergulhou no estilo de vida nativo, era um com seu próprio misticismo único, o que lhe permitiu finalmente ver um caminho claro para caminhar em seu tempo neste plano.

Ricketts foi inspirado e fortemente influenciado pela existência nativa. Tão poderosa era a atração da vida indígena que ele se mudou para um lugar isolado na região de Mount Dandenong na Austrália para canalizar sua espiritualidade em energia criativa. O resto de sua vida foi dedicada a criar o seu próprio santuário memorial para preservar a vida ancestral. Sua mensagem é de paz e iluminação.

O Santuário William Ricketts é o lar de 92 destes monumentos. Eles preservam espaço para aqueles que mantêm uma existência harmoniosa com o meio envolvente diante de um mundo modernizante. Ele nos deixa com estas palavras:

A espiritualidade é eterna e eu quero que o povo considere este santuário exatamente dessa forma, atemporal e eterno. Todo o meu trabalho expressa reverência para a vida eterna. Eu acredito que somos elo indivisível ligado com tudo que é vivo e não pode ser separado.

Crédito para todas as imagens: Arteide.

FONTEshakyamuni
COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia

COMENTÁRIOS