Antes de querer ajudar o outro, comece a ajudar a si mesmo.

Robson Hamuche
antes-de-querer-ajudar-o-outro-comece-a-ajudar-a-si-mesmo

Antes de ajudar o outro ajude a si mesmo. Robson Hamuche

Alguma vez você já sentiu muita vontade de ajudar alguém? Se sim, que bom! Esse é um sinal de que você tem o lado humano aflorado.

Mas para ajudar o outro, antes, você precisa se ajudar.

É preciso ter o controle de sua vida, sentimentos e emoções para, então, conseguir dar o suporte que as pessoas que te cercam precisam. Afinal, como estimular o desenvolvimento do próximo se não me abro para esse desenvolvimento?

É normal olharmos para os outros e identificarmos logo de cara os problemas e também listar tudo que o outro pode fazer para tornar-se uma pessoa melhor. Mas em que momento paramos para olhar para nós mesmos, para o nosso interior, para os problemas da nossa mente e coração?

Se queremos muito estar bem e dispostos para ajudar o outro, precisamos praticar todos os dias o autocuidado e nos movimentar para o autodesenvolvimento.

Quais são os seus problemas?

Como você tem lidado com eles?

Quais respostas têm encontrado?

Você está satisfeito com essas respostas?

Estar bem em todas as dimensões da vida compõe o nosso bem-estar. Isso não significa que você precisa estar 100% bem em todas as áreas, em 100% do tempo, até porque isso é impossível. Mas é importante que você esteja em um estágio que considera bom e esteja aberto sempre a melhorar.

Parece que tem muita coisa para melhorarmos em nossa vida antes de querermos ajudar os outros, não é mesmo?

Então, mãos à obra!

O quanto antes você assumir a posse de si mesmo, mais fácil será contribuir com aqueles que precisam de você!

Entusiasme-se, desenvolva-se e seja feliz antes de querer ajudar os outros.

Comece hoje esse autocuidado para que você possa daqui um tempo conquistar o seu desenvolvimento pessoal, e contemplar cada momento dessa riqueza que é autoconhecer-se.

Quando você se conhece e se torna uma versão melhor do que você já foi, você aprende a utilizar a sua consciência para lidar com as suas dores e passa a agradecer a vida por tantas lições que te fizeram mudar de dentro para fora.

Essas escolhas conscientes que você faz a partir da sua essência reverbera e a sua luz passa a entrar em contato com os outros seres que, através do seu exemplo de mudança, decide mudar, e seguir o caminho da reforma interior.

E de repente, você percebe que não precisará mais se esforçar para ajudar o outro porque o seu poder pessoal será capaz de levantar o outro naturalmente, simplesmente porque você escolheu olhar para dentro e temperar a sua própria vida.

Desista de ter medo!

Desista de sofrer!

Desista de ser incoerente!

Desista de ser inconsciente!

Desista de fazer só por fazer!

Mas nunca desista de ser o melhor que você puder ser!

Você ganha um par de asas quando ajuda o outro a sair do chão, mas você só conseguirá levantar o outro, quando você estiver de pé!

*DA REDAÇÃO RH. Por Robson Hamuche. Foto de Gary Edmonstone no Unsplash

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO RESILIÊNCIA HUMANA?

SE TORNE CADA DIA MAIS RESILIENTE E DESENVOLVA A CAPACIDADE DE SOBREPOR-SE POSITIVAMENTE FRENTE AS ADVERSIDADES DA VIDA.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS






COMENTÁRIOS




Robson Hamuche
Robson Hamuche é Terapeuta transpessoal com especialização em constelação familiar, compõe a equipe de terapeutas do Instituto Tadashi Kadomoto (ITK). É também idealizador e sócio-proprietário do Resiliência Humana, grupo de mídia dedicado ao desenvolvimento humano, que reúne informação de qualidade acerca de todo o universo do desenvolvimento pessoal, usando uma linguagem leve e acessível.