Tudo que é demais enjoa!

Fabiana Dainese Mauch

É natureza do ser humano buscar constantemente o novo. O novo motiva, causa frio na barriga, gera entusiasmo e ansiedade, ou seja, quando algo deixa de ser novo, torna-se habitual, já não é capaz de nos causar o mesmo impacto.
Por isto, quando algo deixa de ser novidade, geralmente é colocado de lado, esquecido e muitas vezes não damos mais o devido valor, esquecemos de celebrar, retribuir e agradecer. O ser humano é complicado, luta tanto quando deseja alguma coisa e quando a consegue, mal se permite usufruir, comemorar, viver…já vai logo pensando no próximo objetivo, no próximo desafio. Pois após o êxito, a ansiedade e o entusiasmo não são mais tão fortes, não geram mais adrenalina como antes, por isto, achamos logo uma maneira de substituí-los, em uma incansável e infinita batalha contra nós mesmos!

Tudo que é demais enjoa, isto pode ser aplicado para tudo na vida. O mais importante é saber qual será a nossa reação ao perceber que o objetivo alcançado, já não tem mais a mesma capacidade de nos motivar e estimular como antes.

Podemos citar alguns exemplos de que tudo que é demais enjoa. Um relacionamento sufocante, com muito ciúmes e controle, pode parecer interessante a quem nunca experienciou algo similar antes, mas basta passar algum tempo para perceber que é insuportável!

Um relacionamento maduro, já não tem mais a mesma paixão do início, a paixão causa borbulhas no estômago, taquicardia, ansiedade. Quando a paixão vai embora e o sentimento permanece, o relacionamento é uma escolha. Você trocaria o sentimento, o relacionamento maduro, pelas inebriantes sensações de uma nova paixão? Pode apostar que muitos trocariam ou efetivamente o fizeram, pois relacionamento é escolha, escolha de ambos. Muitos ainda não aprenderam isto, se iludem pensando que quando as coisas não forem as “mil maravilhas”, é só trocar o parceiro!
Um amigo que exige proximidade, cobra ligações, não aceita não como resposta, é facilmente elegível a deixar de fazer parte do círculo de amizades de alguém. Amizade verdadeira acontece de forma natural, meses podem se passar sem se falar e nada muda!

Um outro exemplo, construímos a casa ou o apartamento dos sonhos, passamos meses entre projeto, reforma ou construção e decoração. Pronto! Está tudo lindo, como sempre sonhamos. Geralmente não temos tempo de curtir o lar, ficar em casa, curtir a família. Marcamos e aceitamos inúmeros compromissos, saímos, porque passar o final de semana em casa é muito chato! Não nos permitimos usufruir o que tanto almejamos!

Nas redes sociais, algumas pessoas exageram, postam tantas fotos e status diariamente que se torna cansativo. Quem se mostra demais se torna desinteressante! As pessoas são naturalmente impacientes e se enjoam com facilidade. Uma coisa é certa, quem não pode tolerar essas atitudes, não frequente o ambiente. Os incomodados que se mudem ou pelo menos não acompanhem as dezenas de atualizações diárias de status…

Se tudo que é demais enjoa, o que você tem feito por você para não se deixar enjoar com facilidade quando não convêm?

Vamos celebrar e valorizar os êxitos! Vamos abandonar as atitudes que podem nos afastar das pessoas!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Fabiana Dainese Mauch

Apesar de apaixonada por filosofia, psicologia e relações humanas, estudou e trabalha na área de exatas, encontrando na escrita uma forma de se aproximar de suas paixões. Ama pensar sobre a vida e o que podemos fazer para melhorar o mundo e a nós mesmos.


COMENTÁRIOS