Selfies na academia são sinal de problema psicológico

Autor: Nicolas Gunkel

Pessoas que usam o Facebook com frequência para fazer posts sobre dietas, rotinas de treino e conquistas na academia tendem a ser narcisistas, revelou um estudo conduzido por psicólogos da Brunel University London.

Após uma série de entrevistas com mais de 500 usuários da rede de Mark Zuckerberg, os pesquisadores constataram que o hábito de postar selfies praticando exercícios é motivado por uma grande necessidade de atenção e de validação da comunidade do Facebook.

Esse comportamento foi diagnosticado pelos estudiosos como um transtorno de personalidade.

Os psicólogos também ponderam que, apesar de atrair um grande número de “likes” e comentários de incentivo, essas reações de outros usuários não necessariamente indicam aprovação.

“Esses amigos podem estar educadamente oferecendo seu apoio, mas secretamente reprovando essa exibição egoísta”, afirma a professora Tara Marshall, uma das responsáveis pela pesquisa.
Leia mais: Quantas curtidas vale uma boa autoestima?

Outra constatação do estudo foi a de que pessoas com baixa autoestima atualizam mais vezes os seus status de relacionamento no Facebook e postam mais fotos com seus parceiros.

Segundo os pesquisadores, essa é a forma que pessoas inseguras encontram de fortalecer os laços e dar mais consistência a seus relacionamentos.

“Nós compilamos uma lista de coisas muito diferentes da vida. Por favor, diga-nos se elas são populares com seus amigos e se você as utiliza”. Com essa frase, os jovens responderam e a pesquisa descobriu o Top 3 em cada país. Nem tão surpreendentemente, em quase todos os países as três coisas mais populares estão relacionadas com o mundo digital. Brasil
Download de música – 80%
Facebook – 79%
E-mail – 78% EUA
Televisão – 77%
Smartphones – 75%
E-mail – 74% Cingapura
Smartphones – 87%
Facebook – 79%
E-mail – 72% Suíça
Smartphones – 94%
Encontro com amigos – 93%
Férias no exterior – 90%

Leia o texto na íntegra Exame.abril.com.br

FONTEexame.abril.com.br
COMPARTILHAR


Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS