Quando você sofre por fazer a coisa certa

Aline Felix

Uma vez escrevi no meu Instagram a seguinte frase acompanhada de uma foto: “tudo se limita entre dar ouvidos a razão e ao coração. Um caminho você sofre por fazer a coisa certa, mas quer, porque o sentimento fala mais alto, e o outro você sofre por fazer a coisa certa”.

Neste dia, eu estava na casa do meu namorado – atualmente ex., e pensava no que eu realmente queria fazer da minha vida, pois neste período já tinha sofrido muito, mas ainda assim queria esse amor, que acreditava ser único e especial. Mas a gente se engana, se cobre de um sentimento que só você alimenta, enxerga coisas as quais você, com todo seu coração alimenta na sua mente e acredita. Vivi uma fase de relacionamento abusivo e não percebia.

Infelizmente quando nos entregamos de corpo e alma a um relacionamento esquecemos um pouco de nós, colocamos nossas necessidades e vontades de lado para suprir a do companheiro (a). Esquecemos que a vida a dois é um equilíbrio, um complemento ou como diria uma amiga “é uma bênção viver e dividir as alegrias e tristezas como um casal”.

Viver uma vida a dois requer muita paciência, ainda mais se você é casado. Dizem que o primeiro ano de casamento é o mais difícil, pois passam a conviver juntos todos os dias na mesma casa. É aí que descobre realmente quem é a pessoa com quem se casou, é quando terá que ser tolerante aos defeitos do outro, respeitá-lo apesar das diferenças, entre várias outras coisas. É difícil? Muito, mas é como dizem “o amor tudo crê, espera e suporta”.

Diferenças vão surgir sempre, só que no meio de tudo isso jamais se deve perder o respeito. Ele é um dos pilares dessa vida que estão construindo juntos. Se por acaso ele se perder no meio de uma discussão, você perdoar e se repetir, me desculpe, vai virar rotineiro. Penso que é uma atitude egoísta e a comparo com uma traição, pois quando você acha o caminho, aquele que você erra e é perdoado, você não esquece. Saberá e abusará de um amor que tudo te perdoa para não te perder. É triste!

Por diversas vezes perdoei meu ex. por coisas que tinha feito e ele sempre repetia quando passava algumas semanas. Mas chega uma hora que você cansa. Cansa de perdoar, de todos os dias doar seu amor, seu tempo, seus sonhos e sua vida a uma pessoa que não está sabendo valorizar.

É nessa hora que você senta para tomar uma das maiores decisões da sua vida: continuar ou terminar a relação. Sim, é uma das coisas mais difíceis que fará na sua vida. São dois caminhos que vão te fazer sofrer. Um deles é aquele que você se afasta de quem ama, chora e sente falta todos os dias, o outro é aquele que você sofre, mas tem a pessoa ao seu lado com os picos de felicidade.

A diferença entre um e outro é o tempo. Se você tomar a decisão que quer continuar a viver assim passará o resto da sua vida sofrendo, mas se decide ir embora, saberá que o sofrimento terá data de validade. Um dia acaba!

Lembre-se que teus pais não criaram você para ser tratado como lixo por alguém que não te respeita e massacra seu amor. Você sempre vai merecer mais, não aceite menos, não seja menos. O mundo está aí para que viva e conheça novas pessoas, e no futuro, quem sabe, alguém que te valorize!

COMPARTILHAR


RECOMENDAMOS


Aline Felix
Nascida em 1989, na cidade de São Paulo é formada em jornalismo pelas Faculdades Integradas Rio Branco. Blogueira e metida a escritora é apaixonada por prosas, crônicas e contos. Seus sentimentos e pensamentos ela expressa em seu blog “pelos olhos da cidade”. Dedicada, esforçada, exageradamente dramática e otimista, procura ver a vida de uma forma simplista. É uma antítese incessante.

COMENTÁRIOS