Pessoas ou lugares?

 

Tenho tido a oportunidade de estar em Brasília integrando uma equipe do Instituto Tadashi Kadomoto realizando o Leader Training e gostaria de compartilhar com você minha percepção sobre aquilo que dispara em muitos de nós alguns desconfortos.

É provável que você tenha consciência que os sentimentos e comportamentos desconfortáveis que constantemente lhe visitam, são SEUS, as pessoas e os lugares por onde você vive a SUA vida são instrumentos para que você possa reconhecê-los e aprender a lidar com eles.

Brasília por ser a capital federal e lá estarem grande parte das pessoas que ao tomarem decisões nos deixam desconfortáveis é tida por muitos como sinônimo de algo desagradável, que não preciso aqui citar.

Meu enfoque é:

Ao lidar com os treinandos em nossos treinamentos e conhecê-los melhor: Seus talentos, limitações, sentimentos, comportamentos, enfim, pude perceber que em qualquer lugar, existem pessoas que podem fazer a diferença na minha vida, e acredito que na sua também.

Lembrei-me ainda da fala de um querido amigo Daniel Rosa: “ Muito mais importante do que o CEP é o CPF.”

Acredito que se nos colocarmos como aprendizes em qualquer contexto que estejamos e acessarmos a nossa coragem para olharmos para o que é NOSSO e precisa ser melhorado, encontraremos nas pessoas muitos mestres.

Deixe-me dar um exemplo:

Em uma de minhas viagens a Porto Alegre, retornava para SP em um vôo com o CEO da Zezoo ( Empresa Norte Americana da qual sou parceiro), estávamos em duas poltronas no corredor e enquanto conversávamos, por várias vezes fomos atendidos por um comissário que gentilmente em todos os momentos que nos atendeu SORRIA  e fazia mais do que esperávamos dele.

Como estávamos no corredor, a tripulação várias vezes passava entre nós, mas somente este comissário pedia licença e SEMPRE com um sorriso.

Já chegando ao meu destino, apertei o botão que aciona o sinal para chamar a tripulação e pedi para falar com aquele comissário.

Perguntei-lhe seu nome e disse que o seu atendimento havia feito a diferença no meu dia. Pela sua reação, senti que o meu reconhecimento também havia feito diferença no dia dele.

Neste momento gostaria que refletisse sobre as seguintes questões:

O que agrega a SUA VIDA e você poderá colocar em prática são as pessoas ou os lugares? 

Aquilo que verdadeiramente lhe educa e você aprende algo, é por intermédio das pessoas, ou do lugar onde você trabalha, da casa que você tem, dos restaurantes que frequenta, das viagens que faz?

Estar em Brasília é só o CEP, pois lá como em qualquer lugar do mundo, existem vários CPF’s que podem fazer a diferença na SUA vida, isso se você se permitir.

Com carinho,

COMPARTILHAR
Fabrizio Saiter
Terapeuta Transpessoal e Organizacional -Despertar nas pessoas o interesse de se conhecerem melhor, através da escolha em participar de nossos treinamentos e cursos. E com amor e doação, contribuir em seu caminho.email: [email protected] -Atendimento terapêutico: Clínica ITK – São Paulo – SP - Rua Joaquim Távora, 1373 – Vila Mariana - Fone/Fax: (11) 5549-8314 - Espaço Quântico - Endereço:Rua Prudente de Moraes, 954, Centro - Jundiaí- SP Telefone: (11) 989572123



COMENTÁRIOS