Perfil de personalidade e Transtorno do Pânico

Soraya Rodrigues

O perfil psicológico de quem pode desenvolver ou quem já sofre de transtorno do pânico é de extrema importância para a compreensão do desenvolvimento do próprio transtorno, os quais são elementos clínicos relevantes para serem elaborados em um processo psicoterapêutico.

O perfil de personalidade das pessoas que desenvolvem o transtorno do pânico se caracteriza geralmente pelo perfeccionismo e alto nível de produtividade. São pessoas tensas, com alto grau de exigência, constantemente preocupadas e que não se permitem momentos de descontração para repor as energias necessárias.

Geralmente percebem as situações cotidianas como estressoras (fazem tempestade em copo d’agua) e não obstante podem ter dificuldades afetivo-emocionais, sendo controladoras e muito críticas (de si mesmas e dos outros), bem como inseguras e reprimidas.

Como são muito perfeccionistas, têm a tendência de se auto-punirem caso falhem em algum aspecto. Em decorrência deste perfil, possuem tendência às somatizações e à hipocondria. Geralmente, uma pessoa que chega a desenvolver uma síndrome do pânico é uma pessoa que teve uma história de vida (ou episódios) de muita carga estressante, como traumas, separações, lutos e perdas mal elaboradas.

Por este motivo, durante o tratamento é imprescindível que o paciente, junto com o terapeuta, reavalie a sua vida, seus hábitos e condicionamentos, bem como os padrões de pensamentos, sentimentos e comportamentos que porventura contribuíram para um estado de ansiedade constante e consequente desenvolvimento do transtorno.

Deve-se elaborar e ressignificar as perdas e lutos que foram sofridos durante a vida do paciente, bem como aceitar que somos falhos e que não podemos ser perfeitos sempre, o que é impossível. Sendo assim, é preciso reeducar este paciente para que ele conheça seu funcionamento, se aceite e aprenda a cuidar melhor de si.

Nota: Fragmento do livro digital “Transtorno do Pânico: Sintomatologia, Diagnóstico, Tratamento, Prevenção e Psicoeducação”.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Soraya Rodrigues

https://www.facebook.com/FechamentodeCicloeRenascimento/?fref=ts
Soraya Rodrigues de Aragão é psicóloga, psicotraumatologista, escritora e palestrante. Realizou seus estudos acadêmicos na Unifor e Universidade de Roma. Equivalência do curso de Psicologia na Itália resultando em Mestrado. Especializou-se em Psicotraumatologia pela A.R.P. de Milão. Especializanda em Medicina Psicossomática e Psicologia da Saúde – Universidad San Jorge (Madri) e Sociedad Española de Medicina Psicosomática y Psicoterapia. Sócia da Sociedade Italiana de Neuropsicofarmacologia e membro da Sociedade Italiana de Neuropsicologia. Autora do livro Fechamento de Ciclo e Renascimento: este é o momento de renovar a sua vida. Edições Vieira da Silva, Lisboa, 2016; e do Livro Digital: “Transtorno do Pânico: Sintomatologia, Diagnóstico, Tratamento, Prevenção e Psicoeducação. É autora do projeto «Consultoria Estratégica em Avaliação Emocional»


COMENTÁRIOS