Não tente com mais esforço

Respire suave e profundamente absorvendo energia.

Sinta seu corpo regenerando, fortalecendo e ao mesmo tempo relaxando…

Perceba que é necessária mais energia para se julgar infeliz que para se sentir alegre. Alegria é um estado da natureza – e na realidade, nenhuma energia é necessária para ser alegre porque ela é natural. Necessitamos de energia para ser infeliz, porque isso não é natural. Quanto mais natural você for, menos energia será necessária e quanto mais artificial você desejar ser, mais energia será necessária.

Perceba… Se você se apoia em seus pés, precisará de menos energia. Tente se apoiar em sua cabeça e você precisará de mais energia. Sempre que você vislumbrar a necessidade de mais energia, saberá está tentando fazer algo artificial. Meditação não requer energia porque é passiva, inativa, silenciosa. Você não está fazendo nada, não está indo a lugar algum. Por que precisaria de energia?

A raiva precisa de energia, o pensamento requer energia, a violência precisa de energia – porque você está fazendo algo contra a natureza, está lutando contra a natureza. É como tentar nadar contra a corrente. Se você estiver nadando no sentido do rio, então não há necessidade de energia – o rio te leva. Mas se estiver tentando ir no sentido contrário ao da correnteza, então muita energia será necessária – porque você estará lutando contra ela.

Por que as pessoas parecem estar tão cansadas? Estão todas lutando. Sua religião o ensina a lutar, toda a sua formação baseia-se no conflito, porque é só por meio da luta que o ego pode ser criado. Quando você relaxa, o ego desaparece. Relaxar significa tornar-se sem ego. Se você nada no sentido do rio, não pode criar o ego. O ego é um fenômeno não-natural / artificial; ele precisa de muita energia para ser criado e de muita energia para ser mantido. Ter ego é um fenômeno muito desgastante. Toda sua vida é consumida por ele.

Então, vamos lá… A meditação não precisa de energia, o pensamento precisa de energia! O relaxamento não requer energia, a tensão precisa de energia, a ansiedade precisa de energia.

Portanto, não se perca. Não se trata de fazer um esforço para ser consciente. Se você fizer esforço, criará tensões em seu interior – todo esforço acarreta tensões. Se você tentar ficar consciente, estará lutando consigo mesmo. E não há necessidade de lutar. Consciência é uma fragrância de liberação. Consciência é o florescer do render-se a algo, é o florescer do relaxamento.

Então, nesse momento, permita-se relaxar, renda-se, entregue-se e relaxe.

COMPARTILHAR
Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia



COMENTÁRIOS