Namorar é uma casa em construção…

Luana Fiasqui

Namorar é uma casa em construção, onde a cada dia construímos um novo cômodo.
Namorar não é fácil. É ser testado todos os dias pelo tempo, pela saudade, pelo amor, pelo ciúmes e afins. É lembrar da pessoa diversas vezes no dia e não poder tê-la ali ao seu lado. É ter um dia péssimo e ter todos os motivos de mandar tudo à merda, mas se sentir confortado e acolhido por apenas um abraço.

É se importar. É perguntar como foi o dia, querer saber se ela se alimentou, se acordou na hora certa ou se foi para o médico.

É ter ciúmes. É ter a vontade de matar todas as pessoas que a olhem com desejo, é querer socar a parede quando descobre que ela se trombou com o ex. É relaxar depois dos ataques e deixar cair à ficha que ela ama você e não está nem aí para os outros.

Namorar é fazer manha. É querer cafuné, abraços, beijos e atenção.

É fazer manha. É ser totalmente fria para os amigos e ser totalmente manhosa para a amada(o). É querer cafuné, abraços, beijos e atenção.

É ter a vontade de apertar, morder, arranhar, agarrar. Ahhh, é ter uma vontade imensa de sentir aquela pele gostosa.

É gostar de cada parte do corpo, desde o pé até a ponta do cabelo. É amar todas as qualidades e aceita e/ou gostar dos defeitos.

É saber ter limites. É conhecer o que mais gosta e o que mais odeia.

Namorar é sonhar em conjunto. É fazer planos de viagens, compra de carros ou casa, dar nome aos possíveis filhos e cachorros.

É querer sempre estar perto nos momentos bons ou ruins. É querer cuidar quando a pessoa estiver triste ou alegre, doente ou sadio.

É desejar apenas uma pessoa. É achar outras pessoas bonitas, mas achar sua companheira(o) a mais gata(o) do universo.

Namorar é ter brigas bobas e às vezes não tão bobas. É estar querendo não perdoar a pessoa nunca mais, mas passar 5 minutos e pedir desculpas mesmo não sendo o único culpado.

Namorar é uma casa em construção, onde a cada dia construímos um novo cômodo. Nesta casa todas as portas permanecem abertas, pois ambos têm todo direito de ir embora a hora que quiser, mas preferem ficar mesmo havendo alguns contratempos.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Luana Fiasqui
Sagitariana com sede de novos conhecimentos e aventuras. Estudante de química que divide seu amor pela área de humanas. As vezes doce e risonha, as vezes grossa e sarcástica. Adora ler e escrever. Admira um bom papo e boas companhias que proporcionam boas risadas. Vive de momentos, leva consigo as boas sensações que a vida lhe proporciona.

COMENTÁRIOS