Está cansado de ficar procurando o que lhe faz sentir bem?

Nos tempos de hoje, há uma nova energia que está alimentando uma mudança. Será que já estamos cansados de procurar e olhar para fora, como temos feito até agora e que, na verdade, tem nos feito sentir igual, ou pior?
Aparentemente é, pois estamos prontos para fazer uma profunda mudança. Só é preciso dar o primeiro passo e ver como é que isso vai nos renovando, e como essa mudança profunda é um ato de amor para nós mesmos. Isso é maravilhoso, pois virá a partir da clareza interior, da nossa verdade, do amor a nós mesmos, que é o que nós estamos começando a fazer crescer.
Vejamos quais são as medidas para alcançar este novo processo de mudança:

Aprender a se conectar com o que sente

Durante cada situação apresentada, no lugar de reagir ao primeiro impulso com uma defesa ou ficando magoado, ou se isolando, pode simplesmente permitir-se sentir. Assim como nós nos comunicamos com as outras pessoas através do telefone, whatsapp ou e-mail, com toda a nossa atenção posta para fora, comece a fazer um movimento de atenção para o interior: ouvir, fechar os olhos e concentrar-se no seu coração, que é um grande transmissor de sentimentos.
Quando a atenção está ali, de repente, a conexão com o que sentimos é estabelecida. Você ficará surpreso quando descobrir que realmente está sentindo e que nunca tinha prestado atenção. Esse é um grande ato de amor! Amar a si mesmo; não a negligência nem o compromisso, nem a inconsciência do que está acontecendo, simplesmente o próprio ser, presente e vibrando. E é esse amor que também pode-se dar aos outros.


Permita-se ser vulnerável
Ou seja, ser honesto com o que sente, transparente, fazendo essa conexão com seu coração. Isso inevitavelmente leva à maturidade emocional e a criar o melhor para cada um, portanto, para o nosso ambiente, sanando a separação com nós mesmos e com os outros também.

 
Expresse sempre sua verdade, como as crianças 
Aprendemos a mentir e manipular, para conseguir aprovação. Porém, quando somos vulneráveis e estamos conectados com o nosso coração, torna-se imperativo dizer a verdade. Você começará a perceber que ir contra os sentimentos é agora doloroso, pois perceberá que assim está se abandonando.

Expresse o que você realmente sente toda a hora. Isso é muito libertador e dá a oportunidade para que os outros possam ser verdadeiros também. As relações baseadas na verdade são ideais, um compromisso mais profundo.
Se nós ensinamos nossos filhos a não perder esse aspecto natural deles, veríamos como as relações com seus pares se tornariam amorosas, abertas, respeitosas, sem serem destrutivas ou violentas. Todos estes passos são muito simples, verdadeiros e válidos.
A vida é simples, somos os humanos os complicados, pois estamos separados da nossa essência, da nossa conexão interior. Estamos agora aprendendo dessa reconexão, para fluir e alinhar, para poder agir assim a partir daí em nossas vidas diárias, fazendo uma diferença, uma profunda mudança.

COMPARTILHAR
Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia



COMENTÁRIOS