De onde tirar forças quando parecem estar esgotadas?

Resiliência Humana

Todo dia procuro começar com o melhor dos meus sorrisos. Sei que não posso mudar o que acontece. Muitas circunstâncias não estão nas nossas mãos para serem resolvidas. Ou talvez sim? Acho que coloco todo o meu empenho para tirar forças de onde for para seguir em frente. Contudo, estas sempre terminam se esgotando…

Desejamos que os momentos felizes durem para sempre, os negativos almejamos que passem o mais rápido possível. O que você não sabe é que para aprender, é preciso tempo.

Ser otimista, rir dos problemas, encarar os erros como testes para melhorar, tudo isso pode ser fácil de entender na teoria. Mas, na hora da verdade, a situação muda. Não é fácil ser positivo e tirar forças quando o negativismo nos rodeia, quando a vida não para de dar solavancos por todo lado. Nestas horas a gente se sente sozinho e sem energia. Encontrar forças parece impossível.

Tirar forças do lugar certo

Você cometeu um grave erro ao acreditar em tudo que dissemos anteriormente. O seu impulso não se consumiu, o que aconteceu é que você esteve procurando todo esse tempo nos lugares menos favorecidos. Você precisa girar a sua cabeça, observar a partir de outro ponto de vista. Somente assim você poderá perceber que possui mais resistência do que pensava.

Talvez você esteja cercado de pessoas tóxicas que não fazem outra coisa que absorver a sua energia e a sua paciência. Talvez você se levante frustrado por ter que voltar para um trabalho tão insuficiente, que não o motiva, mas que você mantém porque precisa do dinheiro que lhe traz. No pior dos casos, é a sua saúde que o domina e a que fez que você perdesse o seu grande sorriso.

As pessoas mais fortes são aquelas que enfrentam cada dificuldade com um grande sorriso de boas-vindas.

O que todas estas situações têm em comum? O problema está no contexto, ou isso é o que você acha. Você pensa em se afastar ou evitar essas pessoas contaminadas, em aceitar esse trabalho que não está fazendo você feliz, em permitir que a sua doença comece a ser o centro de tudo.

Ao mesmo tempo em que você vive uma vida, você se imagina vivendo outra, e isto lhe provoca raiva e frustração. Uma frustração que coloca ainda mais tinta preta em todos estes aspectos que lhe desagradam. Diante de alguns deles talvez você tenha uma boa margem de atuação para passar à ação e mudá-los, outros precisarão ser assimilados, e para isso você terá que colocá-los naqueles lugares onde a gravidade faça menos efeito.

De uma forma ou de outra, a partir de uma estratégia ou de outra, não se esqueça de que o importante é como você se sente, e não a situação anterior. Não se esqueça de que a sua última meta é melhorar no primeiro, não tentar uma revolução no segundo. Pense que talvez seja apenas uma situação ideal que você deseja, mas podem ser muitas a fazer você feliz.

Não posso sair dessa situação?

Como sempre dissemos, temos mais poder de mudar a nós mesmos do que todo o resto que nos cerca. Contudo, o que acontece se continuamos frequentando nosso trabalho porque pelo menos por enquanto o restante das alternativas não nos oferece uma saída? Sem dúvida isso pode derrubar qualquer um, mas existem diversas coisas que você pode colocar em prática.

Os aspectos negativos de uma situação parecerão maiores se não explorarmos os aspectos positivos que ela também possui: não é o emprego que você quer, ele frustra e não motiva, mas ainda assim, continue colocando todo o seu esforço nele, melhorando a cada dia. Principalmente, pense na experiência que você está ganhando, em como você está ativo e em todos os colegas que você conheceu até agora.

Comprove que você não está se conformando: às vezes não queremos dar o passo e nos conformamos nos lamentando por aquilo que temos. Você realmente não pode deixar o trabalho ou tem medo de fazer isto? Puxar a corda para conseguir melhores condições de trabalho é introduzir uma incerteza que pode gerar pânico, mas às vezes não resta outro remédio.

Se você se esforçar, tudo ficará melhor: se cada dia você der um pouco mais de si, se você se concentrar nos aspectos positivos enquanto aceita os negativos, espere… porque cedo ou tarde o tanto que você se esforçou agora, mesmo em uma situação que não lhe agrada, dará seus frutos. Quando você menos esperar, a vida lhe oferecerá condições melhores que premiarão o fato de você ter superado momentos complicados.

Sentir-se mal é natural, estar triste às vezes também. Pretender estar todos os dias bem é algo totalmente irreal.

As adversidades trazem emoções e sentimentos negativos que nos impulsionam a focarmos somente nelas. O problema é que quando fazemos isto não conseguimos ver que até as piores situações nos trazem alguma coisa de bom. Graças a elas podemos parar para pensar se estamos fazendo o que realmente queremos ou se deveríamos experimentar outras coisas.

Os aspectos positivos e negativos se complementam para que possamos dar o melhor de nós mesmos. Se não fosse assim, jamais poderíamos nos superar, nos descobrir, ver nossas fragilidades e fortalezas. Não fique impaciente. Pegue tudo isso que agora você considera um fardo e use-o para tirar forças. Quando você se concentra no melhor de você, os milagres acabam acontecendo.

FONTEA mente é maravilhosa
COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS





Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia

COMENTÁRIOS