Amigo é coisa pra se guardar….

 

No último fim de semana, tive a oportunidade de reencontrar com pessoas muito queridas, não são pessoas de minha família, mas com muitas destas convivi mais tempo do que com meus próprios familiares.

Deixei meu querido estado do Espírito Santo a quase 10 anos e em razão de minha vinda pra São Paulo estive mais distante destes amigos do que gostaria.

Amizades de mais de 30 anos que se encontram sempre que podem siginificam para mim relacionamentos importantes na minha vida e dão um tempero especial a este meu caminho, quando nos reencontramos, tenho a sensação de que sempre estivemos muito próximos.

É provável que você já tenha escutado falar da importância de se relacionar com as pessoas, pode parecer óbvio, pois desde o nosso despertar a cada dia estamos nos relacionando, mesmo aqueles que escolheram viver reclusos em um ambiente ou contexto, certamente em algum momento precisarão se comunicar e consequentemente estarão se relacionando.

A pergunta que me faço constantemente e cuja a resposta norteia minha direção em cuidar dos meus relacionamentos é:

Como venho me relacionando com as pessoas?

Ao me relacionar com pessoas tão queridas e receber das mesmas, carinho, amizade, acolhimento, AMOR, pergunto-me:

O que eu tenho dado para as pessoas que tanto estimo?

Assim como a vida passa e eu acredito que nós escolhemos viver e sentir o seu ritmo, as pessoas também estão diante de nós para dar, receber, aprender e com isso nos relacionarmos.

Em minhas férias escolhi ficar distante de uma ferramenta que para mim é muito útil no dia a dia, metaforicamente falando, costumo dizer que nossa relação é de ¨Amor e ódio¨, digo que é uma metáfora, pois acho impossível sentir amor e ódio por algo material, podemos sim ter apego;

Escolhi me desconectar do meu celular durante aquelas férias. Esta escolha me fez sentir o quanto conseguia perceber o que estava acontecendo a minha volta, escutava o que as pessoas falavam, o barulho de tudo que se movimentava e me encontrava mais presente nos momentos que vivia. Eu acredito que assim me relacionei melhor com as pessoas.

Hoje me sinto mais nutrido do que ontem em razão do fim de semana que tive, pois cuidar dos meus relacionamentos tem me mostrado que mesmo que sejamos únicos, e façamos nossas próprias escolhas, caminhar com outras pessoas faz bem a alma, eu me reconheço no outro, sinto o quanto que ele tem para dar e receber e o quanto que podemos agregar a nossa vida com uma amizade verdadeira.

Com Carinho e amizade, pense nisso,

 

COMPARTILHAR
Fabrizio Saiter
Terapeuta Transpessoal e Organizacional -Despertar nas pessoas o interesse de se conhecerem melhor, através da escolha em participar de nossos treinamentos e cursos. E com amor e doação, contribuir em seu caminho.email: [email protected] -Atendimento terapêutico: Clínica ITK – São Paulo – SP - Rua Joaquim Távora, 1373 – Vila Mariana - Fone/Fax: (11) 5549-8314 - Espaço Quântico - Endereço:Rua Prudente de Moraes, 954, Centro - Jundiaí- SP Telefone: (11) 989572123



COMENTÁRIOS