5 ideias para deixar a tristeza para trás

Uma pessoa continuamente triste perde a energia vital e a esperança. Ela sente que não pode contar com ninguém e não quer estar com ninguém. Isso faz com que seja muito difícil buscar a solução para se sentir melhor, embora não seja impossível. O segredo está em começar aos poucos.

Recuperar um bom estado de ânimo requer ação, mas isso é complicado quando se está triste. O fato de pensar nas coisas que devem ser feitas para melhorar, como sair para caminhar ou passar algum tempo com os amigos, pode ser esgotador.

O segredo para recuperar um bom estado de ânimo é começar estabelecendo algumas pequenas metas que sejam atingidas pouco a pouco. Mesmo quando a energia é limitada, sempre é possível sair para dar um pequeno passeio ou ligar para algum familiar, amigo ou conhecido, simplesmente para saber como ele(a) está. Ainda que no começo seja difícil alterar o comportamento, com o tempo a energia irá crescendo e a mudança será notada.

Cinco ideias para acabar com a tristeza

1. Cultivar relações pessoais

O apoio social tem um papel fundamental na superação de um estado de ânimo negativo. É importante compreender que o isolamento e a solidão pioram a situação, por isso é fundamental manter relações com outras pessoas e participar em atividades sociais.

O problema é que, frequentemente, a pessoa deprimida sente vergonha diante das pessoas que conhece por conta do seu estado, se sente culpada por ter abandonado a relação, ou considera os demais culpados pela sua situação. No geral, as pessoas próximas se preocupam com as suas próprias dificuldades, e não deveria haver nenhum problema em iniciar uma conversa ou participar de alguma reunião social. De qualquer forma, nunca é tarde para fazer novas amizades e conhecer gente nova.

Para cultivar as relações pessoas e ampliar ou reforçar uma rede própria de apoio, pode ser feito o seguinte:

– Envolver amigos e familiares de confiança para poder falar com eles sobre os próprios sentimentos.

– Participar das atividades sociais que surgirem e tentar não se isolar.

– Juntar-se a um grupo de apoio para conversar com pessoas que compartilham da mesma situação.

Uma opção para se abrir ao mundo é começar a se conectar com pessoas que façam algum trabalho de voluntariado, que ajuda não só a ampliar a rede de contatos, mas também a se sentir útil.

2. Desafiar o pensamento negativo para acabar com a tristeza

A tristeza contínua dá um toque negativo a tudo, inclusive à percepção da própria pessoa, a situação na qual ela se encontra e as expectativas para o futuro. Para sair desse enfoque negativo, é necessário substituir os pensamentos negativos por outros mais equilibrados, desafiando a negatividade.

É possível mudar um pensamento negativo. Para isso, há diferentes formas:

– Pensar de fora de si mesmo, como se fosse outra pessoa, buscando mais realismo nas opiniões e descrições.

– Não sendo tão perfeccionista e se permitindo mais flexibilidade. Não é necessário ser perfeito.

– Relacionar-se com pessoas positivas e observar e analisar as suas reações diante das coisas que geram mal estar, ansiedade e raiva. Isso dá outro ponto de vista e gerará uma energia positiva que pode ser aproveitada para se sentir bem e melhorar a percepção das coisas.

3. Cuidar de si mesmo

Para superar um estado de ânimo negativo é necessário se preocupar consigo e se cuidar. Isso significa seguir um estilo de vida saudável, aprender a gerenciar o estresse, conhecer os limites do que uma pessoa é capaz de fazer e realizar atividades de ócio e diversão.

Além disso, é importante dormir bem, adotando as medidas necessárias (não consumir cafeína ou outras substâncias que dificultem o sono, relaxar antes de se deitar, jantar bem, etc.) e dormir as horas necessárias (ao menos oito horas diárias).

Também não se pode esquecer da importância da exposição à luz solar, manter o estresse sob controle e praticar técnicas de relaxamento. Cuidar de um animal também ajuda muito na superação de um estado de ânimo negativo.

4. Fazer exercícios

Exercício físico para evitar a tristeza

Quando uma pessoa está deprimida, ela geralmente não quer fazer exercício, mas é necessário levar em consideração que a atividade física é uma ferramenta fundamental para enfrentar um estado de ânimo negativo. De fato, os estudos mostram que o exercício regular pode ser tão eficaz quanto a medicação antidepressiva para aumentar os níveis de energia e a diminuição da sensação de fadiga.

Os cientistas não descobriram exatamente por que o exercício é um antidepressivo tão potente, mas as evidências sugerem que a atividade física provoca o crescimento de novas células no cérebro, aumenta os neurotransmissores e a endorfina, que melhoram o estado de ânimo, reduz o estresse e alivia a tensão muscular, o que poderá ajudar a espantar a tristeza.

O ideal é fazer pelo menos 30 minutos de exercícios diariamente. Se parece muito, comece fazendo 10 minutos diários e vá aumentando o tempo conforme for melhorando o estado de ânimo.

5. Manter uma dieta saudável ajuda a evitar a tristeza

O que comemos tem um impacto direto sobre como nos sentimos. Não ter uma dieta equilibrada pode afetar negativamente o cérebro e o estado de ânimo, e isso se consegue abusando da cafeína, do álcool, das gorduras trans, das gorduras saturadas e dos alimentos com altos níveis de conservantes químicos ou hormônios.

Para manter uma dieta saudável que ajude a nos sentirmos melhor fisicamente, é necessário considerar o seguinte:

– Não pular as refeições

– Consumir a menor quantidade possível de açúcar e carboidratos refinados

– Consumir alimentos ricos em hidrato de carbono complexo, que mantém a energia durante mais tempo

– Aumentar o consumo de vitamina B, presente em cítricos, vegetais verdes, ovos, entre outros

– Consumir alimentos ricos em nutrientes, como banana, espinafre e arroz integral

COMPARTILHAR
Resiliência Humana
Bem-estar, Autoconhecimento e Terapia



COMENTÁRIOS